Imigrando para o Canadá como estudante

tapete

Conform escrevi aqui no blog, uma das perguntas que eu mais recebo é sobre imigração e “como fazer para imigrar para o Canadá?”. Minha resposta é sempre a mesma: “acesse o site do governo Canadense e veja em qual categoria de imigração você pode aplicar”. Infelizmente é muito difícil dizer como você vai imigrar pois cada família tem suas características e uma história, o que influencia sim no processo imigratório. Além disso o governo muda sempre de categorias e regras, e eu não conheço todas. Porém, estou notando que muitos casais estão fazendo o processo de imigração através de visto de estudo/trabalho e resolvi fazer um passo a passo de como isso funciona. Vale comentar que este processo foi muito semelhante ao que fizemos (mesmo que “ao acaso” pois eu vim inicialmente para cá estudar mesmo e não imigrar). Vocês podem ler aqui e aqui todo o nosso processo de imigração. Vale falar que estarei falando sobre o processo de um casal casado (se não estiver casado não acho que seja possível para o cônjuge conseguir o visto de trabalho que comento abaixo).

Passo 1: Ache uma escola que você poderá estudar e seja aceito

Antes de você se desesperar com os documentos e fazer milhões de planos você precisa achar uma Universidade ou College para estudar (clique aqui e veja como pesquisar). Nesta categoria valem cursos superiores, de pós-graduação e college. Se você quiser dicas de como fazer uma pós-graduação no Canadá, clique aqui, aqui e aqui e veja a série de posts que escrevi contanto a minha experiência e dando dicas.

Passo 2: Aplique para os vistos: o de estudo para você e o de trabalho para o cônjuge

Para aplicar para o visto de estudos você deve ter sido aceito por uma instituição Canadense e o curso deve ser maior do que 6 meses. Há outros pré-requisitos (como provar que você terá como pagar o valor do curso) e você encontra todas as informações aqui. Quando você aplicar para seu visto de estudante deve aplicar para que seu cônjuge ganhe também um visto (no caso, de trabalho aberto). Vale ressaltar que seu cônjuge não vai ganhar automaticamente o visto de trabalho – você terá que aplicar para este visto.

Passo 3: Cônjuge com emprego por 1 ano

Se tudo der certo você irá receber o visto de estudos e seu cônjuge o visto de trabalho aberto (open work permit ). Ai vocês vem para o Canadá, você vai estudar e o cônjuge vai procurar emprego – e se tudo der certo vai encontrar um emprego logo. Depois de somente 1 ano trabalhando no Canadá seu cônjuge pode aplicar para ganhar o PR Card através da categoria Canadian Experience Class. Obviamente a aplicação envolve vários documentos e formulários e não é um processo simples.

Resolvi colocar o título como “Imigrando para o Canadá como estudante” pois é o visto de estudante que dará o primeiro passo para o casal imigrar, mas se você olhar o passo 3 a aplicação para a residência permanente só é possível se o cônjuge estiver trabalhando por 1 ano no Canadá. Portanto é um processo que envolve as duas partes, ou o casal e apesar de ter sido descrito brevemente aqui é bem trabalhoso mas, certamente, uma boa opção para aqueles que querem vir morar por aqui.



  • 66 Responses

    1. Bruno Scognamiglio disse:

      Oi Gaby, tudo bem?

      Me chamo Bruno e tenho 32 anos. Sou engenheiro mecatrônico por formação e minha esposa Terapeuta Ocupacional (embora não tenha mais interesse na área). Temos uma filhinha de 3 anos.

      Pretendemos imigrar para o Canadá e acreditamos que o visto de estudante seja a melhor opção. Porém, há um problema. Só quem fala inglês sou eu. Penso que eu aplicando para um College seria mais fácil, mas como ela também não tem inglês e precisaria trabalhar, acho mais difícil ela conseguir um emprego.

      A pergunta é: vale a pena ela fazer um curso aí ou o melhor seria estudar e aplicar pro IELTS daqui mesmo?

      Um abraço!

    2. Marina Pierri disse:

      Boa tarde,
      Meu marido esta indo fazer um college no Canáda, posso aplicar como acompanhante depois de 6 meses?
      Preferimos ele ir na frente para arrumar moradia, e quem sabe arrumar um serviço e eu ir depois com as crinaças para inicialmente ir para trabalhar e depois fazer um college.

    3. Samuel Luca disse:

      Gaby, eu queria fazer a med school no Canadá, mas ouvi dizer que só residentes permanentes ou com cidadania canadense podem fazer. Isso é verdade ?

      • Nunca tinha ouvido falar disso Samuel. Ai dei uma pesquisada online e encontrei esta informação:
        International prospective medical students planning to get into Medical University in Canada must keep in mind that not all faculties of medicine accept applications from foreign students. Conversely, some faculties of medicine have contracts with foreign governments or institutions to accept applications for “supernumerary” positions. The conditions of admission may require that the faculty of medicine will be compensated for the entire cost of medical education, the student will not apply for post-MD (residency) training in Canada and these graduates will return to their countries of origin to practice medicine.

    4. Alex disse:

      Olá, eu tenho 18 anos e minha namorada 20 anos, temos o curso completo de ensino fundamental/ensino médio, eu quero imigrar para o Canadá e nós queremos ser cidadãos permanentes, porém nós dois queremos estudar em um college e trabalhar lá, queremos ir como estudantes e nesse meio tempo tentar a cidadania permanente, quantos de dinheiro eu preciso ter para conseguir o visto? eu preciso ter tal quantidade e minha namorada também? ou só uma quantidade de dinheiro serve para nós dois para nós dois pegarmos o visto? É possivel nós dois estudar e trabalhar? Queremos o visto de estudante mas eu não sei como, por favor me ajude, obrigado!!!

      • CharlloteB disse:

        Olá Alex, fale com uma agência de imigração que eles irão ajudar você, Tem a Canada Journal e a Immi- canada. Lá você terá que pagar uma quantia de 200 reais se eu nao me engano, para você fazer tipo uma consulta e aí você ira falar dos seus objetivos, o que vocês pretendem fazer lá, ela vai ajudar você, quantos em R$ você vai ter que ter para ir e para pagar o curso “college” que você vai escolher fazer. Ah pra vocês fazerem o college trabalharem lá precisam saber a falar inglês, se não sabem, tem cursos online pela internet ou façam um curso na cidade de vocês para aprenderem, pois sem o inglês não tem como vocês irem, se organizem primeiro, o inglês é o primeiro passo e o restante, planejamento de dinheiro. Espero que tenha ajudado.

    5. talitha neri disse:

      Olá Gabi tudo bem?
      Eu e meu esposo estamos querendo nos mudar para o Canada,
      Fazendo dessa forma, eu iria estudar e ele trabalhar.

      Tenho um nível de inglês Intermediário, porém acredito que ainda não é muito bom para entrar em uma Universidade por exemplo, teria como ir e estudar inglês ,e meu esposo trabalhar mesmo assim? Ou é valido somente quando estudamos em uma universidade fazendo outros cursos lá.
      E nesse caso, posso somente estudar né? trabalhar não é possível?
      Você poderia me ajudar por favor? Pois descobri que mudaram algumas coisa mas não entendi muito bem.

      Muito obrigada.

      • Ola Talitha. Obrigada pelo email. Acredito que as leis de imigração mudaram… dê uma olhada em cic.gc.ca
        Sobre conseguir o visto seu marido somente conseguirá o visto de trabalho através de vc se vc estiver matriculada em um curso full-time (não acho que línguas esteja incluído na lista infelizmente).
        Mas procura direitinho tudo no site do governo Canadense que é mais certo.
        Obrigada pela visita ao blog e boa sorte!

    6. Andressa disse:

      Olá, Gabriela

      Você pode me tirar uma duvidazinha boba? rs

      Vou para o Canadá, mais especificamente Toronto, estudar inglês por 6 meses durante 25 hrs semanais. Não posso aplicar para o visto de estudante, né? Só se fosse 7 meses, certo? Outra: se eu tiver que aplicar para o visto de turista com permissão de estudos, posso dps desses 6 meses tentar estender minha permissão? ou não é possível?

      Estou fazendo essa pergunta pq, depois do curso de inglês, estava pensando na possibilidade de cursas mais 3 meses de curso de francês, mas faria a pesquisa da escola já estando lá (não achei mtas opções de escola pela internet :/…vou procurar opções em Ontário e em Quebec).

      Obrigada por manter o pessoal sempre bem informado <3 adoro o design do seu blog e a forma como aborda os assuntos!

      • Olá Andressa. O melhor é você tirar suas dúvidas no site do CIC.gc.ca Eles mudam sempre as regras e eu realmente não sei qual visto você deve aplicar. Sobre estender seu visto sei que é possível, mas o melhor é você se informar no site do governo canadense.

    7. Ana Carolina disse:

      Olá Gabi! Adoro o seu Blog e já acompanho a um bom tempo… E agora resolvi que está na hora de ir embora, porem tenho algumas dúvidas… Estou querendo fazer um Curso de curta duração, em média 2 anos, voce sabe me informar se consigo o visto de trabalho apenas fazendo um curso Part-time, ou necessariamente precisa ser full-time? Outra coisa, com este curso de curta duração o meu marido consegue aplicar para o visto de trabalho full-time? Obrigada, Bju Carol

      • Ola Ana Carolina. Acho que precisa ser full-time e você conseguirá vista de estudos e não trabalho. E acho que tem certas restrições para vistos do acompanhante. O ideal é que vc procure informações no site do governo canadense cic.gc.ca
        Boa sorte e obrigada pela visita

    8. Joao Terenzi disse:

      Olá Gaby. Venho acompanhado seu site desde que eu e minha esposa decidimos ter uma experiência no Canadá. Primeiramente gostaria de agradecer pq muitas vezes seus relatos nos salvaram. Atualmente estou reunindo documentos para o visto. Já tenho a LOA de um college para uma pós-graduação de um ano, mas uma dúvida me surgiu: devo replicar toda a documentação para o work permit da minha esposa ou pelo fato do visto dela estar atrelado ao meu, posso submeter a documentação de suporte financeiro apenas uma vez? Novamente agradeço

      • Olá João. Quando eu apliquei fiz tudo junto – eu e meu marido – mas como o processo mudou não sei se a aplicação deve ser feita junta ou separada. O ideal é que vc pesquise no cic.gc.ca a maneira correta de fazer. Boa sorte!

    9. Leonardo disse:

      Gaby, qdo vc deu entrada no pedido de visto na parte de pedirem o exame medico, pediram o de vcs 2 juntos? Pergunto isso por q solicitei online visto de estudante p mim e de work permit p minha esposa. Pedi junto no mesmo processo, mas são app separadas. Meu visto ja foi aprovado, ja fiz exame medico, tudo encerrado. Não pediram ainda exame medico p minha esposa. Ja viu isso acontecer?

    10. João Ricardo disse:

      Ola Gabby! Primeiramente obrigado pela inciativa de dispor do seu precioso tempo para ajudar aqueles que gostariam de imigrar para o Canada. Pelo que entendi o próprio Student’s spouse pode aplicar para o Canadian Experience Class após um ano de trabalho direto dentro das profissões do NOC 0, A ou B. A minha duvida se refere na questão do Open W.P, pois li que com este visto não é necessário a empresa conseguir um LMIA para contratar o holder, mas mesmo assim existe a possibilidade de empresas Canadenses contratar um imigrante em vez de um landed Immigrant/citizen? Ou só contratam para empregos menos formais? (Exemplo os que não estão na NOC 0,A ou B).
      Agradeço desde já e parabéns pelo Blog!

    11. Asa disse:

      Socorro Gaby!!! Eu vim para ca com visto de estudante, ia comecar o college e ate entao tudo certo….. Porem com a crise no Brasil perdi uma de minhas fontes de renda e agora so vou ter dinheiro para comecar o college em janeiro….. ( era para eu comecar em setembro) com visto de estudante posso ficar esses 4 meses sem estudar no canada esperando ate o proximo semestre?

    12. russo disse:

      Ola , boa noite, entao gaby parabens, belo blog, gaby, vc sabe se e possivel eu tirar um visto so pra trabalhar la ? sendo q nao sou formado aki, e, ou um visto pra estudar e trabalhar, sendo solteiro ?

      • Ola! Os visto de trabalho só são concedidos quando há uma oferta de trabalho. Não há mais o programa study + work. Sugiro que vc procure mais informações no site do governo Canadense cic.gc.ca
        Boa sorte!

    13. Maylla disse:

      Oi Gabi, adorei seu blog e estou lendo tudo! Tenho uma grande dúvida, espero que você possa me ajudar.
      Eu e meu esposo queremos morar no Canadá. Iríamos aplicar para visto de estudante (enquanto um estuda o outro trabalha com o Open Work Permit) e gostaria de saber se tem como nós nos aplicarmos para Residente Permanente lá dentro do Canadá depois de um ou dois anos de experiência, ou se precisaríamos voltar para o Brasil para isso. Um beijo!

    14. Betina disse:

      Oi, Gaby! Marido, meu filho de 2 anos e eu estamos nos preparando para mudar. Optamos pelo College + work permit pra ele. Estamos decididos, porém, tem dias que bate uma insegurança… Nestes dias, eu leio seu BLOG! hehe
      Vi que você foi fazer um PhD. Seu marido foi com visto de trabalho? Como foi o começo da vida de vocês por aí? Escolhemos Mississauga. Se tudo der certo aqui, chegamos em Setembro. 🙂

      • Então Betina… nosso começo foi bom (marido conseguiu emprego no primeiro mês aqui e eu já vim com a vaga na Universidade)… a adaptação tbem foi ótima, mas não tínhamos filhos e eu sei que isso influencia muito. Mas começo a gente gasta bastante – com moveis, serviços – e dá muita saudade da família (depois a gente vai se adaptando e vendo tudo de bom que o lugar tem a oferecer e fica mais tranquilo)…. enfim, tenho certeza que vcs serão muito felizes aqui e a cada mês que passar ficarão mais adaptados. Espero ter respondido sua pergunta. Abraços

    15. Leonis disse:

      Ola gabi gostaria de saber se eh possivel alicar para um visto que permita vvoce trabalhar e estudar, ou se o visto de estudo te perimte trabalhar algumas horas??

    16. Rafaela Grimm disse:

      Oi, Gaby!
      Antes de tudo, queria dizer que amei seu blog! Parabéns por manter um conteúdo tão bom e que nos ajuda tanto! 🙂
      Tenho uma dúvida que até agora ninguém dos que perguntei conseguiu me responder, espero muito que alguém consiga me ajudar.
      Seguinte… Tô querendo imigrar pra Toronto por meio do College e o marido conseguir um emprego. O negócio é que tenho uma filhinha e planejo ter mais um baby no meio desse tempo, o que significa talvez estar grávida no meio do college. O que eu queria saber é se em Toronto eles dão uma licença para eu cuidar do meu baby nos primeiros meses, ou se não tenho direito a nada e posso perder o visa de estudante por trancar o curso alguns meses. Tem alguma forma de isso ser flexibilizado???
      Por favoooooor, me ajuda a tirar essa dúvida! Serei grata eternamente, pq é o que mais me preocupa até agora!
      Beijo!

      • Olá Rafaela. Então, acho que você deverá entrar em contato com seu College e perguntar se eles tem maternity leave. Geralmente você deve continuar afiliado à instituição para manter seu visto de estudantes, e isso implica continuar pagando o College sem usá-lo (já que você estará de licença). Ainda, já li que algumas pessoas têm que mudar para visto de turismo e depois back to student. Tem alguns fóruns on-line como este http://www.canadavisa.com/canada-immigration-discussion-board/maternity-leave-while-on-study-permit-t231393.0.html – se você fizer pesquisa no Google vai achar muita informação, mas eu realmente me informaria diretamente com a escola. Vale comentar que o quarto antes você terminar o College mais pontos você ter no seu processo de imigração – que mudou – e as chances de você imigrar serão maiores. Boa sorte!

    17. Camila disse:

      Oi gaby!
      Então, eu vou fazer um college no canada em toronto acredito que agosto (vai depender do visto), quero aplicar para o college e ele open work permit. Porem temos 4 meses de casados mas ja vivemos juntos em união estavel a 8 anos. Nao achei no cic nada falando a respeito de tempo de casados. Eles pedem um prazo minimo ?! Obrigada . Adoro seu blog

    18. Manuela disse:

      Olá Gaby. Primeiro gostaria de parabenizá-la pelo blog, tem dicas muito úteis e vc escreve muito bem! 🙂
      Tenho uma dúvida e ficaria muito grata se vc pudesse me ajudar. Eu e meu namorado estamos pesquisando sobre esse processo de ir estudar no canadá e depois tentar os trâmites da imigração. Nós iríamos casados.. Ele tem a possibilidade de fazer um mestrado e eu faria um college, mas não entraríamos os dois com visto de estudantes, pois aí nós dois só poderíamos trabalhar 20h/semanais. A minha dúvida é: se eu fosse com um visto de estudante – e ele como meu cônjuge – ele poderia dar entrada no mestrado além de trabalhar full time? Ou ele precisa necessariamente do visto de estudante pra fazer o mestrado?

    19. Leandro disse:

      Olá Gabriela, tudo bom

      Estou indo para o Canada como estudante de idioma por um período de 24 semanas.

      Minha esposa poderá solicitar o open work permit?

    20. Flavia disse:

      Olá Gaby, tudo bem?
      Me explica uma coisa. Se meu marido for estudar inglês por 1 ano e resolver fazer extensão para cursar um College, como deverá ser feita a nova renovação para extensão do visto (minha e de meu filho)? Devemos sair do Canadá para renovar já que não somos estudantes ou por sermos acompanhantes pode ser feita aí mesmo? Saberia me dizer?
      Muito obrigada!!!

    21. Thereza Cristina Alves Brito disse:

      Recebo R$4,7 de pensao por mes e juntei 40 mil. Quero estudar 1 ano ou 2 no canada. Preciso juntar mais dinheiro ou a renda que recebo tambem conta??

      • Daphne disse:

        Pode juntar mais. Tem curso que é 6 mil dólares canadenses o semestre. Vc tem só 10 mil dólares americanos.

    22. Isadora disse:

      Vou sozinha para o Canadá, fazer um curso de 1 ano no BCIT, assim que terminar minha graduação no Brasil. Meu foco é imigrar de vez. Eu posso aplicar para o visto de trabalho depois do 1 ano do College?
      Obrigada.

    23. Francielle disse:

      Olá, meu marido faz mestrado aqui em Montreal e eu vim com ele, mas eu tirei o visto de turista para mais de 6 meses, até tive que fazer aqueles exames de saúde.
      Mas não tirei o work permit antes de vir, você sabe como faço pra conseguir já estando no Canadá?

    24. Anne disse:

      Oi Gabi!
      Eu tenho 16 anos e a 1 ano eu tenho esse sonho e sempre venho pesquisando mais. Mas é um sonho só meu pretendo cursar Fisioterapia e me mudar depois. é muito difícil para uma pessoa se mudar sozinha ? é tipo MUITO difícil? obrigada eu adorei seu post tds eles.

    25. Fernanda disse:

      Oi Gaby , obrigada por compartilhar suas experiências, nos ajuda muito!
      Penso em imigrar para o Canadá talvez daqui a 3 anos, já casada e penso em fazer doutorado. Sou biomédica e estou no primeiro ano do mestrado no Brasil.
      Tenho duas perguntas:
      Caso eu faça o doutorado aí, após concluí-lo, mesmo tendo um diploma canadense, terei que fazer todo aquele longo processo de validação de diploma para poder trabalhar mesmo como pesquisadora ou professora de universidade (ou teaching assistent)?
      Uma assistente de imigração me disse que sim, e fiquei super desanimada, pois pelo que falam é super demorado e difícil. ..
      A outra pergunta é vc é formada em que aqui no Brasil?

      Se puder responder te agradeço muito!!!

    26. Ana disse:

      Ola Gaby, parabens pelo blog.

      Estou planejando esse visto com meu parceiro e gostaria de saber.. Todos os colleges dessa lista que voce indicou no item 1 sao colleges que podem conceder esse visto de “casal”
      Alem de provar que tem todo o dinheiro do curso, quanto mais eh exigido? Eu li que por volta de 14mil dolares, eh isso mesmo?

    27. Lucileila da Silva disse:

      Olá Gabriela, tudo bom? Acabei de conhecer seu blog, estou amando. Sua postagens são ótimas, assim como suas dicas.
      Gostaria que me tirasse umas dúvidas, você sabe me dizer se é concedido visto p estudante de ensino médio? Mora só meu filho e eu, como n sou casada, será possível conseguir os vistos? Abraço 🙂

    28. Márcia disse:

      Em primeiro lugar, quero parabenizá-la pela iniciativa deste blog. Ajuda muitas pessoas, que assim como eu, tem o maior desejo de ir ao Canadá. Minha dúvida é a seguinte (na verdade tenho muitas, mas não quero abusar): Sou servidora federal aqui no Brasil, professora de uma Universidade, com um desejo enorme de realizar um pós-doutorado na University of Toronto (até já tenho um professor orientador daí disposto a ser o meu orientador). O que estou pensando bastante é na questão financeira, de como sacar dinheiro da minha conta corrente através de um cartão de débito nos terminais eletrônicos daí de TOronto. O que me diz a respeito? Sabe dizer se é a melhor maneira pra nós brasileiros, ter acesso ao dinheiro da nossa conta corrente? Ou acredita que seria melhor abrir uma conta bancária (caso seja fácil) de um banco canadense no qual pudesse realizar transferência de dinheiro desde minha conta do BB? Penso em ficar no período de um ano. Agradeceria muito se pudesse me ajudar com esta informação. Obrigada desde já.

      • Ola Marcia… obrigada pelo recado e pela visita ao blog. Não sei qual a melhor maneira, acho que por transferencia. Veja o post do site da mikix com dicas para transferir dinheiro: http://www.mikix.com/como-mandar-dinheiro-brasil-para-o-canada/
        Boa sorte!

        • Márcia disse:

          Obrigada por me responder, Gaby!. Obrigada mesmo. Não queria abusar, mas gostaria de no momento te fazer só mais uma perguntinha, desta vez relacionada ao visto. Na minha chegada a Toronto, devemos os imigrantes nos apresentar a algum departamento ou lugar específico que tratem do tema da imigração, para obter uma carteira, cartão de identidade? Morei na Europa muitos anos e lá era assim, só fiquei na dúvida se o mesmo deveria ser feito aí no Canadá. E ainda respeito ao visto, a partir do momento em que me é concedido aqui no Brasil, tem um prazo de validade longo? Ou seja, se o visto me é concedido agora, poderia viajar só daqui a quatro meses? Obrigada mais uma vez.

          • Quando vc chega, no aeroporto mesmo, eles te encaminham para uma sala e ai vc pega o work/study permit, que fica grampeado no seu passaporte. A validade depende (conheco gente que pegou 2 anos, e gente com 6 meses). 🙂

    29. Jaque disse:

      Gabi, e não são todos os tipos de trabalho que dão direito ao PR, certo?

    30. Ótimo post, Gaby! Esta foi justamente a opção que eu e minha esposa fizemos para virmos para o Canadá. Vale ressaltar, no entanto, que embora seja a forma mais fácil de entrada, envolve muita dedicação e investimento (financeiro e de tempo). Vejo pessoas achando que tudo é muito fácil e quando chegam por aqui ficam completamente perdidas quando a primeira dificuldade aparece. Abraços!

      • Claro Reinaldo, falei isso no final do post. Escrevi de uma maneira simples mas todo processo de imigração é complexo, envolve tempo, dedicação e $. Concordo com você: muita gente acha que é fácil mas mudar de pais é bem difícil. Abraços!

    31. Laura disse:

      Gaby, se o visto de trabalho for de um ano, o correto é renovar o de trabalho e então aplicar pro PR? Pq no caso, eu ficaria sem visto enquanto corre o processo de PR? Eles são muito burocráticos com relação ao tempo de trabalho, por exemplo, se a pessoa dentro de um ano ficar mês sem trabalhar dá problema? Tem que comprar 365 dias de contrato?
      Obrigada!

      • Olá Laura. Geralmente o visto de trabalho terá a validade do de estudo. Os cursos válidos neste processo – College, pos, etc – tem geralmente mais de 1 ano de validade. Mas se for só um ano da sim para pedir extensão do visto. Eu mesma, ganhei visto de só 3 anos (por causa da validade do meu passaporte) e tive que pedir mais 1 ano, pois meu curso era de 4 anos e só no final ganhamos o PR. Espero ter ajudado e respondido sua pergunta

    32. Yasmin disse:

      Olá Gaby, descobri a pouco tempo seu blog e estou amando conhecer sua história, ela tem me ajudado a tirar muitas dúvidas sobre um pouco de tudo neste processo. Gostaria da gentileza de me tirar uma dúvida:

      Vi que é necessário comprovar o valor total da tuition para obter o visto de estudante e estou interessada em fazer PhD. Gostaria de saber se caso seja concedida uma bolsa de estudos, seria ainda necessário comprovar o valor total do curso? Ou apenas o valor restante, considerando a bolsa?

      Abraços!

      • Olá Yasmin. Você deve comprovar que terá $ para conseguir viver no Canada, não somente pagar a tuition. Se tiver uma bolsa anexe uma carta comprovando o recebimento desta bolsa e o valor. E vale tbem colocar contas de banco, de cartões de credito, etc. E se você é casada pode juntar as suas finanças com as do seu marido. Espero ter ajudado. Não entendo muito. Vale sempre se informar no site do cic.gc.ca

    Deixe um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *