Roteiro para curtir um dia bem aproveitado com crianças em Toronto

Hoje eu resolvi escrever um post de um roteiro para crianças em Toronto, mas que certamente os adultos irão amar. Amanhã é comemorado no Brasil o dia das crianças então acho super válido publicar esta dica agora, apesar que aqui no Canadá a data é comemorada somente no dia 20 de novembro; quer dizer, a data existe no dia 20 de novembro mas ninguém comemora e não há nada nas lojas e shoppings da cidade, por exemplo (tive que fazer uma pesquisa no Google para saber se existia a data, porque eu sinceramente achava que não). Bom, de qualquer maneira eu escrevi este roteiro baseado no que a minha família curte e também quis incluir atrações que ficam abertas o ano todo, porque o que fazer com crianças aqui na cidade depende MUITO de qual mês do ano você vem visitar (se vier no verão vale passar nas ilhas, se vier no inverno vale fazer patinação no gelo, e por ai vai). E vale dizer que em novembro – mais precisamente no dia 11 de novembro de 2018 – vai ao ar um post com 50 atrações para crianças em Toronto, então se você está em dúvida sobre o que fazer ou acha que algumas das atrações que inclui aqui não iriam fazer seu filho ficar animado aguardem o post e adaptem o roteiro aos gostos dos seus pequenos.

Café da manhã em um Brunch kid-friendly

O meu roteiro começa com comida, porque em um dia super cheio a gente tem que ter um bom café da manhã ou, no caso de Toronto, um bom brunch. Há diversos restaurantes que servem brunch em Toronto – até mesmo nos dias de semana – e entre eles eu recomendo muito para quem está com crianças o do Barque Smokehouse. Este restaurante fica na região oeste de Toronto (em uma parte da cidade chamada de Roncesvalles) e meu filho ama ir lá porque eles tem revistas para colorir, um menu bem completo e a criança ganha ainda um cookie que pode decorar na mesa com vários toppings. E para os adultos há várias opções deliciosas também. Clique aqui e veja um post que escrevi sobre o local. Se por acaso o local estiver lotado ou fechado há outras duas opções que eu recomendo ali ao redor: o La Cubana e o The ACE. E se por acaso seu filho for daqueles que cansa em ficar muito tempo sentado no restaurante e precisa de um break antes de entrar no carro, ali pertinho tem um playground super legal, o Sorauren Playground.

Combo de atrações ainda pela manhã

Attachment-1 (32)

Eu não sei quanto a vocês mas meu filho funciona MUITO melhor de manhã: está menos cansado e bem mais disposto, portanto no meu roteiro eu incluiria o “combo de atrações do dia” ainda pela manhã. Aqui há várias opções que podem ser escolhidas. A primeira seria passear pelo High Park, o maior parque de Toronto que tem parquinho, trem, muita área para criança correr e até animais. O parque fica pertinho do local do brunch e pode ser uma boa opção. Dá também para dar uma voltinha pela Lakeshore de Toronto, que na porção do High Park é linda.

Uma outra opção – se está frio, se você quer fazer atividades indoor ou se você e seu filho não gostam de parque – é fazer o combo CN Tower + Aquário + Museu do Trem. As atrações ficam todas uma do lado da outra e tem um combo de tickets para vc ir na CN Tower e Aquário chamado Sea To Sky, onde adultos pagam $48 e crianças $37 para as duas atrações. O museu do trem – chamado Toronto Railway Museum – é baratinho e custa entre $4-5 por pessoa. Ai vocês vão me perguntar: não é muita coisa para uma manhã? A resposta é, depende. Eu acredito que dá para fazer TUDO em 3-4 horas e depois de um brunch (que é um café da manhã reforçado) a gente consegue almoçar mais tarde. Então para mim e minha família este seria um bom plano.

Há ainda a opção de passar a manhã no Ontario Science Centre, o museu de ciências que tem uma parte dedicada para crianças e onde eles podem correr livres e curtir o local sem pressa. Mas antes de ir para lá vale a pena ler este post aqui onde eu falo da experiência que tive com Thomas no local. Preciso dizer que ele AMOU e que no local tem mini supermercado, mini horta, espaço com muita água, instrumentos musicais e muito mais. Mas, não há playgrounds e nem brinquedos para crianças que curtem ação, e este pode ser o maior erro para pais que buscam lugares para as crianças correrem e gastarem energia.

A hora do almoço

Depois de uma manhã super agitada e cheia de atrações é hora de almoçar. Há várias opções de restaurantes kid-friendly em Toronto e você pode ver uma listinha clicando aqui. Acho que a escolha do lugar vai depender do que vocês querem fazer à tarde. Por exemplo, se seu filho é menor e gosta de um cochilo no carrinho depois do almoço vale a pena escolher um restaurante dentro ou próximo a um shopping da cidade, pois assim você pode bater perna enquanto ele descansa no carrinho em um ambiente climatizado. Se ele está com muita fome vale escolher um restaurante mais perto do local onde você está. Se vocês não estão com muita fome vale algo mais simples – uma lanchonete? – para depois comer mais no jantar. E se seu filho não está cansado e você quer comer bem vale escolher algum lugar legal e diferente. A dica é o Marché, no centro de Toronto – que tem de tudo para todos os gostos e vários opções que as crianças amam. A foto do Thomas “com cara de bravo” é no Marché e não, ele não estava chateado com a comida – pelo contrário, ele estava comendo muito – mas ele faz estas caras quando está contando uma história e eu AMO. Não poderia deixar de postar.

A tarde, ou melhor, o final de tarde

Depois de uma manhã agitada, passeios e um almoço (com ou sem cochilo) a tarde meio que se perde com tantas atrações, ainda mais estando com crianças. Então a dica aqui é fazer algo no final de tarde, que já envolva jantar e entretenimento. Minha dica é o Medieval Times, um jantar + show que as crianças AMAM (e os adultos também!). Os horários e disponibilidade dos shows variam bastante dependendo da época do ano e a duração é em torno de 3 horas, incluindo o tempo de chegar e ocupar o seu assento. Depois do show acredito que o dia estará finalizado, mas com a certeza de que foi muito especial. Se vocês estiverem no pique dá para dar uma caminha pela Harbourfront de Toronto e ver a CN Tower iluminada, tomar um sorvete ou, se for inverno, dar uma espiada na pista de patinação da Natrel que sempre tem DJ nos finais de semana.

Espero que tenham gostado da dica e não deixem de acompanhar outros roteiros que tenho no blog clicando aqui.