2 anos de muito amor

Quando eu penso na minha jornada para me tornar mãe – leia aqui – eu consigo ainda sentir toda a ansiedade, o medo e a felicidade envolvidos. Apesar de nem todos esses sentimos terem sido de alegria eu me sinto privilegiada de ainda poder sentir isso, pois foram os anos mais longo da minha vida e os que me fazem ser quem eu sou hoje: uma pessoa muito melhor e, especialmente, uma mãe muito melhor. Eu sempre digo que Deus traçou “muito bem” o meu caminho e eu sou grata por tudo que eu passei, porque foram as perdas e as incertezas que me fazem ser a pessoa que eu sou hoje – e eu gosto muito dessa pessoa.

E por que eu estou falando isso? Porque hoje é o aniversário de 2 anos do Ian, o meu caçula. Eu não sei quanto a vocês, mas são em datas como esta que esses sentimentos afloram e eu lembro de tudo que eu passei antes de ter meu bebê nos braços. Lembro quando virei para o Ju e disse que “era hora” de irmos na médica e “resgatar” nossos embriões congelados. Segundo recomendações médicas eu teria que esperar uns 18 meses para engravidar novamente e foi bem quando o Thomas completou 18 meses que nós fomos começar o tratamento para ter o Ian. Lembro quando fizemos a transferência “quietinhos”e só depois contamos para a família e foi um momento só nosso e o fechamento de um ciclo de anos de incerteza e luta (porque mesmo tendo o Thomas eu não conseguia fechar este ciclo com dois embriões ainda congelados). Lembro do resultado positivo e da alegria transbordando. Lembro de contar para o Thomas que eu tinha um bebê na barriga e ele abrir um sorriso lindo. Lembro do Jojoe me cheirando diferente e querendo ficar perto de mim mais tempo, o tempo todo para ser mais exata. Lembro quando descobrimos que este novo bebê seria um menino. Lembro da escolha do nome (no mesmo dia que soubemos que teríamos um menino): foi tão fácil e tão especial.

E, claro, lembro da tensão quando eu comecei a sangrar e fui parar no hospital por 2 meses (leia aqui). Agora, o que realmente eu não lembro nesta história toda foi de sentir medo e achar que não daria certo. Porque o Thomas era pequeno eu não queria que o Juliano passasse muitas noites no hospital comigo. Apesar da minha sogra e depois a minha mãe estarem aqui dando todo o suporte, eu não queria que meu filho ficasse sem mãe e pai ao mesmo tempo. Eu estava bem e não me sentia sozinha. Nenhum dia fiquei nervosa e aguentei firme e calma os 2 meses no hospital. E ele chegou na data que estava programado – 30 de julho – para me ensinar muito.

Sim, todos os filhos ensinam muito para seus pais. Isso é super clichê. Mas o Ian realmente ensinou muito para mim – e olha que eu achava que sabia muita coisa. Thomas sempre foi independente e Ian muito apegado. E com isso ele me ensinou a desacelerar e me mostrou como um cochilo na tarde, um mama demorado e um carinho calmo fazem bem. Quem me conhece sabe que eu sou super ativa e Thomas é assim também: estamos sempre ligados e sempre querendo fazer algo. Ian não: Ian é calmo e fez tudo no seu tempo. Andou mais tarde, falou mais tarde… e me ensinou que não tem nada de errado em fazer as coisas mais lentamente e não tem nada errado em relaxar e curtir o momento sem fazer nada. Ao mesmo tempo ele é observador e comeu sozinho com colher PERFEITO antes do 1 ano e é ótimo com caneta e jogos de encaixar.

Tão diferentes e tão iguais. E igualmente especiais. O amor que eu tenho pelos meninos dói por ser tão grande… é daqueles que eu nem consigo descrever. Ser mãe é algo que eu sempre sonhei e poder realizar duplamente foi muito importante para mim, pois me fez acreditar que eu posso tudo. Não tem desafio que eu não aceite e eu levo esse ensinamento para todos os aspectos da minha vida e, como disse, os desafios que passeios para ser mãe e durante a gravidez dos meninos (a do Thomas também não foi fácil) realmente me faz uma pessoa melhor. A celebração dos aniversários dos meninos é mais minha do que eles, porque eu celebro a Gabriela que foi atrás do seu sonho e conseguiu. E meu sonho sempre foi ter dois filhos, então a data de hoje é certamente parte desta conquista. E são 2 anos já amando demais e aprendendo demais com meu menino de sorriso fácil mas tímido. São 2 anos da nossa família completa, embora agora ela nunca mais será a mesma.

Hoje vamos celebrar MUITO, mesmo no meio da pandemia: vai ter bolo, vai ter Batman (ah, como ele ama o Batman), vai ter presente, vai ter vídeo com a família… e vai ter muita reflexão, muito agradecimento e muito amor. Relembrarei com carinho da sua chegada e também de quando ele chegou aos meus braços para não sair mais, literalmente (quem conhece o Ian sabe do que estou falando). Desejo que a vida desse meu menino seja repleta de realizações e que um dia ele saiba o quanto foi sonhado e o quão difícil foi para a gente ter ele, mas nunca desistimos. Espero que ele se inspire na sua própria história para lutar por tudo que ele quiser.

8 Resultados

  1. Elane Dutra disse:

    Feliz aniversário!!! Ian!! Lindão rsrss!
    Que Deus permaneça com você nesta caminhada chamada vida. Que você cresça sendo um homem de bem.
    Desejo muito saúde e alegria em toda sua vida.

    Parabéns por ser a mãe que é Gaby!

  2. Marta Zikan disse:

    Essa Gaby não é “fraca”…inteligente, esperta, amorosa, ligada no mundo, apaixonada pela família, doutora, cidadã canadense…e muito mais. Admiro mto vc! Qdo eu voltar a Toronto quero te encontrar ( na minha última ida não foi possível encontra-la pq apreciamos a estadia. Parabéns pra família e pra este menino lindo! Saúde!

  3. Patricia disse:

    Parabéns Ian! Que Papai do céu te abençoe imensamente, principalmente com saúde e felicidade. Tudo de maravilhoso pra vc!

  4. Sara disse:

    Feliz Aniversário Ian!!! Que seu dia seja maravilhoso e cheio de amor!!!! Adorei o post Gaby!!!

  5. Andresa disse:

    Happy Birthday Ian! A tia Desa celebra muito a sua vida com gratidão pelo cuidado de Deus com sua mamãe e com você em todo tempo de sua gestação! Hoje nós celebramos você, esse menino apegado, alegre e muito inteligente! Também celebramos sua mamãe, essa mulher inteligente, corajosa, dedicada, disciplinada, feliz e de uma espontaneidade singular. Celebramos todos as bençãos que Deus trouxe e ainda trará para essa família linda através da sua vida, querido Ian! Aproveite o seu dia! Com certeza ele será mais que especial! Feliz Aniversário! 💖💙

  6. Anna disse:

    Que lindo filha. Deus continue te abençoando vocês!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *