Levando seu gato do Brasil para os Estados Unidos: a experiência da minha irmã

Não sei se eu já comentei aqui no blog mas minha única irmã se mudou para os USA no início de 2016 e agora mora bem mais pertinho da gente (oba!). Ela tem dois filhos: o Antonio (de 3 anos) e a Kloe (sua gatinha). Claro que minha irmã não ia deixar a Kloe no Brasil e eu pedi para ela me falar como foi trazer a Kloe para os USA porque eu estava curiosa para saber se o processo era parecido com o que fizemos quando trouxemos o Jojoe para o Canadá. E a resposta é sim, muito semelhante (praticamente igual) – os dois países tem regras iguais quando o assunto é viajar com seu animal de estimação. Segue um resumão do que você irá precisar se está indo para os USA e quer levar seu amigo de 4 patas.

Documentacao necessária

bd6a6c715576b7f39ffe4b314be33742

Identica àquela para trazer seu animal para o Canadá (clique aqui e veja um post com detalhes destes documentos):
– Carteira de Vacinação atualizada (especialmente com a vacina anti-rábica em dia, i.e. a vacina deve ter sido aplicada dentro de 1 ano da viagem)
– Atestado veterinário comprovando que o animal está em boas condições de saúde e em condições de viajar (este atestado tem validade de 3 dias e deve constar dados importantes como nome do seu animal, espécie, sexo, raça, data de nascimento, idade, número de identificação do microchip ou tatuagem caso possua, cor, tipo de pelagem, data de nascimento, e nome completo, endereço, telefone para contato e documento de identificação do proprietário do animal.
– Certificado Zoosanitário Internacional (CZI) emitido pelo Ministério da Agricultura Brasileiro (que tem validade de 10 dias).
*Não é necessário ter microchip, mas é recomendado.
*Não é necessário quarentena.

No caso da minha irmã ela a clínica veterinária da Kloe fez toda a parte burocrática e minha irmã não teve que se preocupar com nada. Achei ótimo que alguns lugares oferecem este serviço pois, no caso dela, ela estava de mudança e cheia de compromissos, então foi uma coisa a menos para fazer. Se você prefere pagar e não se incomodar eu sugiro que você entre em contato com o veterinário do seu animal e veja se eles também prestam este serviço.

Bolsa de transporte

IMG_9142

Como minha irma viajou de TAM e eles são bem chatos e exigem medidas exatas (clique aqui) a única bolsa que minha irmã encontrou com essas medidas foi essa aqui. Lembrando que a TAM mudou o peso máximo dos animais na cabine – quando voei com Jojoe era 10kg e agora é 7kg, incluindo o peso da bolsa.

Uber Pet

Minha irmã foi para os USA, organizou tudo e só depois veio pegar a Kloe – umas 2 semanas depois de se mudar. Como ela foi sozinha para o Brasil – apenas para pegar a gata – na hora de ir para o aeroporto ela chamou um Uber Pet, transporte Uber que aceita animais (no aplicativo do Uber há uma opção pet-friendly para carros que aceitam animais). Achei a dica ótima porque sofremos com isso aqui em Toronto: nem todos os taxistas gostam de transportar animais, mesmo que eles estejam fechados na bolsa de transporte.

Cuidados para a viagem

b96b8633c21dad6b30a309011d14fadb

Minha irmã parou de dar água para a Kloe 1h antes de sair de casa e comida 3h antes e só a alimentou novamente quando chegou no destino final. Esta regra funcionou perfeitamente: Kloe ficou quietinha a viagem toda e se comportou super bem. Minha irmã optou por sentar no final do avião para não correr o risco de se estressar com alguém que não gostasse ou fosse alérgico a gatos. Nós já tivemos problema quando voamos com Jojoe e eu não culpo a pessoa: realmente se você não gosta de cachorro deve ser complicado ficar 10 horas no avião com um do lado. Durante o vôo a recomendação é não abrir a casinha e os aeromoços checam sempre para ver se você está seguindo esta regra certinho (e não está com seu animal no colo, por exemplo).

Chegada nos USA

e3d5fc950f97dd03094aafa2a7bac680

Na chegada nos USA minha irmã entregou o formulário de alfândega para ao agente da imigração (assinalando a opção que ela estava trazendo animais). Após verificar seu visto o agente encaminhou-a para outro agente, que iria verificar a documentação do animal. Depois minha irmã foi retirar as malas e obrigatoriamente passou pelo RX (todos com animais passam) e ao sair desta section novamente a documentação do animal foi verificada. Ela não teve que pagar mais nada.

IMG_9133

A Kloe está se adaptando perfeitamente à casa nova e levando sua rotina de sempre.

E se você quiser saber como foi levar o Joe pela primeira vez para o Canadá não deixe de ler os posts de 2011 escritos pelo meu marido (Post 1 e Post 2) nos quais ele conta em detalhes tudo que aconteceu nesse primeiro vôo do Joe.



Comentários

Só faltou falar qnt você pagou.

Olá Gaby, tudo bem? Não sei se seria possível, mas sua irmã tem idéia de mais ou menos que tamanho a Kloe tinha quando viajou? Pergunto isso pq meu gatinho é um tanto quanto grande e pesado. Estou fazendo uma dieta junto com a veterinária para ver se chegamos ao peso permitido, porém como ele é grande a as cias aéreas exigem que a casinha do animal deixe ele “folgado” dentro, tenho receio que mesmo com o peso ele não possa ir comigo na cabine. Pelas fotos eu achei que a Kloe não ficou “tão folgadinha” assim na bolsinha. Terias… Read more »

Oi. Sempre tive um certo receio de sair fora do País com minha gata Lilica. Adorei seu post, muitas dicas obrigada.

Oi Gabriela. Bom dia, parabéns pelos conselhos. Tenho uma dúvida, em 2010 voltei da Itália para o Brasil e trouxe Grauna minhá gatinha com todos doctos.chip e tudo mais. Aqui adquirir mais 2 gatos.Um filho de Grauna e outro bebê abandonado.Estamos mudando prose EUA. Esse antigo chip de Grauna,ainda é válido? Se for só farei os outros exames.bjs obrigado.

Oi Gaby tudo bem? Muito boas as informações! Estou cheando em Toronto dia 08 de agosto, porém vou passar 10 horas em Atlanta e encontrar uns amigos fora do aeroporto. Acontece que vou levar um gatinho para uma amiga até Toronto….e preciso sair com esse gatinho do aeroporto. Você sabe dizer se com o CZI aqui do Brasil consigo embarcar novamente dos Estados Unidos para o Canadá? Não consigo falar com o Ministério da Agricultura aqui nem por um decreto!!! Você sabe como entro em contato com o “ministério da agricultura” em Atlanta para ter ceteza? u posso telefonar! Apenas… Read more »