4 dias no outono de Michigan

O Estado de Michigan fica pertinho do Canadá, e da nossa casa você pode chegar nele em apenas 3 horas dirigindo. O estado é dividido em dois, a Upper Peninsula e a Lower Peninsula; sendo a última a parte maior, em formato de “luva”. Em 1957 foi construída a Ponte Mackinac, ligando as duas penínsulas que formam o estado, e que se tornou um dos cartões postais da região. Michigan é cercado pelos Grandes Lagos e sua capital é Lansing e não Detroit, que um dia foi capital e que certamente é sua cidade mais famosa. O nome Michigan significa “grande lago”, na língua nativa dos índios locais. Detroit fica às margens do rio de mesmo nome, fazendo fronteira com Windsor, no Canadá, que fica a 20 minutos, cruzando a ponte ou o túnel.

Sempre que tínhamos um tempinho eu e o marido tentávamos ir a Michigan, mas nunca rolou. Já tinha uns 3 roteiros guardados – de locais, cidades e parques que eu queria conhecer. Então resolvemos aproveitar o feriado de Thanksgiving Canadense – e o outono no hemisfério Norte – e resolvemos ir para lá por 4 dias.

O roteiro escolhido não incluiu cidades maiores – como Detroit, que certamente iremos visitar em breve – mas locais diferentes, pitorescos e com a nossa cara (i.e. locais que rendem uma bela foto e não são lotados, mas ainda sim lindos). Além disso, o outono certamente trouxe um charme a mais ao nosso passeio. Segue abaixo nosso roteiro e dicas das cidades e parques que visitamos nos últimos 4 dias. Adianto que batemos mais de 1500 fotos e provavelmente as fotos aqui selecionadas (na correria) não irão mostrar a real beleza do lugar.

Frankenmuch

A primeira parada foi Frankenmuch, cidade alemã super fofa, um “achado” da Lower Peninsula e uma das surpresas da viagem. Ao contrário das pequenas cidades de interior, Frankenmuch é cheia de atrações e vale muito ficar por lá mais de 1 dia. A começar pelos festivais, cada mês há um. No final de semana que fomos pegamos o Crabby Clam & Lobster Festival (festival da lagosta e do caranguejo gigante) e foi super divertido, com banda ao vivo e muita gente divertida, além de uma ótima comida a um preço super bom! Ao contrário do que imaginávamos, a Octoberfest acontece sim, mas em setembro. Se você quiser conferir o que rola em Frankenmuch clique aqui.

Mas não somente de festivais vive a cidade. É em Frankenmuch que fica a Bronner’s, a maior loja de Natal do mundo. Além de visitar a loja de dia, não deixe de passar por lá a noite, você vai ficar impressionado com a quantidade de enfeites de Natal luminosos. E a loja é grande mesmo! Não consegui visitar nem 1/5 da mesma.

A Main Street é a rua principal da cidade, e dela você consegue visitar a maioria das atrações, incluindo o Bavarian Inn Restaurant (parada obrigatória para almoço ou jantar tipicamente alemão), o River Place (shopping a céu aberto com lojas estilo alemã), a Covered Bridge (ponte antiga de madeira, que dá acesso ao hotel Bavarian Inn), o Rose Garden (parque da cidade, aonde conseguimos bater lindas fotos do outono), a Frankenmuch Brewery (cervejaria da região).



Como não somente de passeios vive uma viagem em solo americano, as compras não poderiam faltar. E é ai que Birch Run, cidadezinha a 15 minutos de Frankenmuch entra na viagem. Lá você encontra o Birch Run Premium Outlets e junto com ele ótimos preços.

mackinac


Mackinac (ou Mackinaw) City é a última cidade da Lower Peninsula e é através dela que você pega a Mackinac Bridge para a Upper Peninsula. A cidade é muito fofa e pequenina, com cerca de 850 habitantes. Ainda, é nela que voce pega um barco para conhecer a Mackinac Island(ou em st Ignace). Entre as atrações estão um IceBreaker (aberto para visitação), um antigo farol, e um parque que costeia a península aonde a cidade está localizada.

Mackinac Island é famosa por ser super romântica, por não aceitar carros (você se locomove pela ilha de cavalo, charrete, bicicleta ou a pé), por ser super charmosa (com suas casas estilo colonial) e por ter o Grand Hotel (inaugurado em 1887, possui 385 quartos e a direção do hotel afirma que nenhum quarto é igual a outro). Foi nesta ilha que foi filmado “Em Algum Lugar do Passado”. Infelizmente, devido ao pouco tempo e ao clima 9super frio) não conseguimos visitar a ilha, mas de Mackinac City voc6e consegue avistá-la e ter uma noção de como é fofa.

Em relação a ponte, Mackinaw Bridge é a terceira maior ponte suspensa do mundo, ou a maior ponte suspensa com duas torres entre as fixações do Hemisfério Ocidental (2.626 m). Ela é a única ligação entre a Lower e Upper Península, e faz parte da rodovia I-75. Para passar nela você precisa pagar um pedágio de $4.00.

Pictured_Rocks

Pictured Rocks National Lakeshore é um parque nacional com extensão de 67km, oferencendo um cenário espetacular da costa montanhosa entre as cidades de Munising e Grand Marais, na Upper Peninsula de Michigan. Além das diversas formações rochosas, o parque possui cachoeiras, arcos naturais e dunas de areia. O parque possui este nome em função de 24km de rochas de arenito colorido, que formam penanhscos de até 60m acima do nível do lago superior. O paredão rochoso foi naturalmente esculpido ao longo do anos, formando cavernas rasas, arcos, formações que lembram torres do castelo, e perfis humanos, entre outros. De Munising, os visitantes também podem ver Grand Island, cidade com 47 habitantes e 127km2, que hoje abrange um parque florestal (mas possui moradores e diversas casas de verão).

A melhor maneira de conhecer o parque Pictured Rocks é de barco. Há 4 passeios diários, e cada um deles é diferente. Os barcos operam com chuva ou sol, porém no dia que fizemos nosso passeio o lago estava suuuper mexido, até perigoso, e infelizmente só conseguimos visitar 1/3 do parque de barco. Porém, há várias trilhas e o caminho entre Munisign e Grand Marais foi um dos mais lindos que passamos até hoje. Ah, a dica aqui é que a única trilha que você consegue chegar de carro perto do literal é a trilha do Miners Castle. As outras você deve se programar e fazer uma caminhada. Mas vale muito a pena e as trilhas são super bem planejadas, estilo americano.




A cidade de Munising é muito, muito, muito linda e muito, muito, muito pequena (olha a foto de “metade” dela abaixo). A dica aqui é que você reserve o Holiday Inn de lá (preço ótimo, hotel sem grande risco = rede conhecida e localizado num dos lugares mais lindos da cidade) e fique por lá durante um final de semana.

lake_superior

Dando uma pausa as dicas e atrações da região, eu não poderia deixar de falar do Lago Superior. O Lago Superior é o maior dos cinco Grandes Lagos, e o maior lago de água doce do mundo em extensão territorial e o terceiro maior em volume de água. O Lago Superior localiza-se entre o Canadá (província de Ontario) e os Estados Unidos (Estados de Michigan, Minnesota, e Wisconsin), com uma área de 82.414 km². É tão grande, tão grande que dá a impressão de ser mar (e várias vezes nós acabamos o chamando de mar). As cidades importantes no litoral do Lago Superior são Thunder Bay em Ontario, Sault Ste. Marie em Michigan, e Duluth em Minnesota.

scenic_routes

Certamente para quem gosta de viajar de carro e apreciar a paisagem a Upper Peninsula é um passeio especial. Neste caso, fizemos 4 rotas, sendo duas delas indicadas pela national Geographic como uma das rotas mais bonitas do mundo (e, ainda mais bonitas no outono). São elas: Mackinac Bridge to Escanaba, Escanaba to Marquette, Marquette to Munising, e Munising to Grand Marais (esta, nossa preferida).

É importante terminar o post falando que ainda há muito que conhecer em Michigan, destacando-se: Charlevoix (cidade charmosa que possui um porto), Holland (cidade holandesa no oeste da Lower Peninsula), Traverse City (região vinicula, destacando-se o Chateau Chantal), Muskegon (regiao de dunas e praias, oeste da Lower peninsula), entre outras.



17 Comment threads
9 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
10 Comment authors
Mila

Oi Gabi!
Adorei seu post! Eu queria ver umas coisas com você.
Eu saio de Chicago e pensei em subir até Munising e fazer a rota até Grand Marais. Vocês pararam no caminho no Pictured Rocks, né? Quanto tempo levaram lá? Será que dá pra fazer uma passada rápida pelo parque?

E quam cidade você acha melhor para pernoitar? Qual que você achou com mais estrutura: Munising, Grand Marais ou Mackinaw?

beijos

Adriana Ferraz

Gabi adorei o seu roteiro, amo estas cidades pequenas cheias de charme. Terei 4 dias (14 a 17 de abri) para fazer um passeio a partir de Toronto. Quais destas cidades você sugere para um casal nesta época do ano? Também adoramos dirigir pelas estradas . Vi que voce sugeriu Charlevoix, Holland , Traverse City , Muskegon , entre outras.

[…] 11. Faça uma roadtrip para apreciar as cores do outono […]

Adriana

Gabi
Adorei o seu roteiro!Parabéns!Terei férias no periodo de 17/09/16 a 24/09. Já encontro paisagem de outono nestas cidades e parques? voarei de Miami e já conheço Toronto. qual,quais cidade(s) americana mais próxima para eu começar o roteiro?ou é melhor começar por Toronto?
Obrigada

Ricardo

Olá Gabi, muito legal a road trip. Estou indo para a região no inicio de junho e pretendo fazer uma road trip parecida, você sabe como é a região nesta época? vc sabe se é possível atravessar de carro ao Canadá apenas com o visto americano ?

Obrigado pelas informações e o ótimo blog
Ricardo