O que fazer no caso de sintomas relacionados ao coronavirus em Toronto e arredores

[ATENÇÃO: ESTE POST É APENAS INFORMATIVO E BASEADO NAS INFORMAÇÕES COLETADAS EM SITES DE SAÚDE DO GOVERNO DO CANADÁ. NÃO ME COMPROMETO SE QUANDO VOCÊ LER ESTE EMAIL A INFORMAÇÃO JÁ ESTIVER DESATUALIZADA OU SE OS SINTOMAS REPORTADOS POR PESSOAS COM A DOENÇA MUDAREM. A RESPONSABILIDADE DE SE MANTER INFORMADO E SABER O QUE FAZER É SUA]

Antes de começar o post de hoje eu quero pedir desculpas a todas as pessoas que acessam o blog para encontrar dicas de Toronto e estão encontrando textos e mais textos sobre o mesmo assunto: coronavirus. Eu simplesmente não consigo deixar de escrever sobre o assunto e informar – na medida do possível – todos que acessam meu blog. Apesar de já ter escrito um texto com links confiáveis para você acessar e se informar sobre o assunto – este aqui – ainda me sinto na “obrigação” de escrever mais e informar vocês. Estar em um país com uma língua diferente não é fácil normalmente e em momentos como esse a vida aqui pode ser ainda mais difícil. Desde que eu decidi abrir a minha vida e colocar meu rosto na frente das telas eu automaticamente me comprometi a informar vocês e não poderia deixar de fazer isso em um momento tão delicado como esse. Notem que não estou dizendo o que vocês devem ou não fazer e também não irei falar o que eu e a minha família estamos fazendo diante do coronavirus; apenas venho aqui trazer mais um texto informativo e útil sobre o assunto.

O tema hoje é muito importante e refere-se a uma pergunta que talvez não passe na cabeça de vocês no momento, mas que pode sim ser relevante em um momento delicado: o que você deve fazer se apresentar algum sintoma relacionado ao coronavirus e estiver em Toronto. Tentei escrever o texto da maneira mais clara e espero que esteja simples de entender. Vale falar que todo dias as informações sobre o coronavirus mudam, então vale a pena checar os links deste post aqui para ter certeza que nada mudou – eu não sei se com o aumento do número de casos os procedimentos para testar a doença irão mudar.

Quais são os sintomas do coronavirus?

Em primeiro lugar devemos entender os sintomas (ou o que sentiremos) caso tenhamos a doença. Infelizmente, os sintomas iniciais do COVID-19 são muito semelhantes à gripe sazonal e até ao resfriado comum; portanto, você pode não saber se está infectado pelo COVID-19, até porque nesta época do ano várias crianças e adultos ficam gripados.

Se você clicar aqui ou aqui pode ver a lista de sintomas da doença. Em resumo os sintomas do coronavirus podem incluir: febre, tosse, dificuldade de respirar e pneumonia nos dois pulmões. Muitos adultos reportam dores no corpo, incluindo dores musculares e dores de cabeça, que geralmente estão associados aos primeiros sintomas listados anteriormente. Vale falar que nem todas as pessoas infectadas com COVID-19 tem sintomas e algumas das pessoas infectadas possuem sintomas leves ou apenas alguns deles.

Um estudo com 10 crianças na China divulgado na revista científica Nature (este aqui) constatou que as crianças apresentaram sintomas mais leves e ligeiramente diferentes que os adultos. Apesar do número pequeno de participantes da pesquisa observou-se que nenhuma das crianças teve febre alta, dores musculares ou dores de cabeça, sintomas esse que são bem comuns em adultos que contraíram a doença. Os sintomas mais comuns em crianças são: dor de garganta, diarréia e nariz entupido ou corrimento.

Uma coisa boa sobre a doença é que 80% das pessoas infectadas não ficam mal (mild symptoms). Isso é bom para elas mas certamente não para a sociedade, porque elas podem propagar a doença para grupos de risco, que certamente não tem o corpo preparado para receber este vírus e poderão ter complicações.

Os sintomas podem aparecer entre 2 e 14 dias após a exposição, e é por isso que as escolas por aqui fecharam por 2 semanas após o March Break: nesta época muitas pessoas viajam e ficar 14 dias em casa dá tempo para que os sintomas apareçam e as pessoas tenham consciência do contágio e fiquem isoladas, mesmo que o vírus não cause nada de ruim nelas.

Uma outra opção é clicar aqui e fazer este self-assessment do governo de Ontario, que irá te ajudar nessa dúvida de ter ou não o COVID-19.

O que fazer se você tem os sintomas?

Se você tiver alguns dos sintomas a primeira coisa a fazer é não entrar em pânico. Também não é aconselhável você ir para uma emergência de hospital ou o consultório do seu médico. Ao invés disso é indicado que você contacte seu médico por telefone (avisando que você suspeita que contraiu a doença) ou ligar para o telefone do Public Health Authorities da sua província (clique aqui e veja a lista). O telefone de Ontario é o 1-866-797-0000. Nesta ligação esta agência irá te orientar quais são os próximos passos, dependendo da situação: eles podem te direcionar para um centro de testes, recomendar que você seja levado ao hospital em uma ambulância se estiver muito doente ou fazer o teste na sua casa.

Como confirmar o diagnóstico?

A única maneira de confirmar se você entrou em contato com o COVID-19 é com um teste de laboratório. Certamente, se você não tem sintomas graves, o próximo passo será fazer o teste de laboratório em um dos centros especializados. Os primeiros centros de diagnóstico do COVID-19 na área metropolitana de Toronto já estão abertos e alguns deles (especificados abaixo) abrirão na segunda-feira (16 de março) e ficam localizados nos seguintes hospitais:

  • William Osler Health System, Peel Memorial Hospital em Brampton: 20 Lynch Street. Aberto todos os dias à partir das 10am e com várias regras específicas como usar máscara e não ter familiares junto com o possível doente. Mais informações sobre o centro podem ser encontradas aqui.
  • Trillium Health Partners em dois hospitais em Mississauga: Mississauga Hospital (15 Bronte College Court) e Credit Valley Hospital (2200 Erin Mills Parkway). Todas as informações sobre horários de funcionamento e regras para visitar o centro são encontradas aqui.
  • North York General Hospital na região de North York: 4001 Leslie Street. Neste hospital você deverá passar pela pelas portas da emergência e virar à esquerda em uma área diferente, onde você será mantido afastado de pacientes com preocupações que não sejam o COVID-19.
  • Michael Garron Hospital em Toronto: 825 Coxwell Ave, East York. O hospital fica na região leste de Toronto e só faz testes por agendamento (então não adianta chegar sem horário marcado). Para mais informações clique aqui.
  • Scarborough Health Network no Birchmount Hospital: 3030 Birchmount Road em Scarborough. Possui entradas específicas para as pessoas que buscam fazer o teste. Este centro só abrirá na segunda dia 16 de março.
  • Mackenzie Health em Richmond Hill: 10 Trench Street. O hospital fica na região norte da GTA e só faz testes por agendamento (então não adianta chegar sem horário marcado).Este centro só abrirá na segunda dia 16 de março.

Vale enfatizar que antes de visitar estes centros você deve ligar para o número listado acima ou para o seu médico. E a maioria destes centros não estão localizados dentro dos hospitais, então não entre pela entrada principal. Se informe e veja em qual área da instituição eles estão e acesse o lugar com máscara e passando álcool gel antes de entrar. Ainda, sabe-se que muitos casos ainda serão diagnosticados então outros centros estarão abrindo em breve.

Ainda, é importante dizer que no final da semana o Ministério da Saúde de Ontario divulgou novas orientações a respeito dos testes COVID-19. Sob os novos protocolos, indivíduos que viajaram para fora do país e apresentam sintomas da doença não serão mais testados devido ao suprimento limitado de materiais para o teste. Esses indivíduos serão definidos como casos “prováveis” e receberão cuidado e orientação como portadores da doença.

O que fazer enquanto você espera o resultado?

Toda a orientação será dada para vocês pelos profissionais de saúde que você contactará por telefone ou entrará em contato na hora de fazer o teste. Não consegui encontrar uma resposta sobre quanto tempo o resultado é encontrado porque, pelo que parece, existem dois centros que checam os resultados dos testes feitos na GTA: um em Toronto e um em Winnipeg. Enquanto você espera o resultado do seu test é provável que você tenha que ficar isolado e cuidando muito com a higiene das mãos e utilizando máscaras caso more com outras pessoas.

Espero que as informações tenham sido úteis e que todos estejam tranquilos e seguros. A foto utilizada como destaque deste post é foi criada pela Freepik.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *