Projeto 6 on 6 Canada | Junho 2019: Monumentos e Estátuas

6on6logoRED

Hoje é dia 6 de junho e como todo dia 6 temos aqui no blog o Projeto 6 on 6 Canadá. O tema deste mês é monumentos e estátuas e eu fiquei super confusa porque já tenho um post sobre monumentos – este aqui – e achei que iria ficar muito repetitivo. Mas ai eu fui pesquisar no google e encontrei as diferenças entre esses 3 termos. Uma estátua é uma obra de escultura criada para representar uma entidade real ou imaginária. Uma escultura é uma arte que representa imagens reais ou não, feita de diversos materiais. Um monumento é uma estrutura construída por motivos simbólicos e/ou comemorativos, mais do que para uma utilização de ordem funcional. Os monumentos são geralmente construídos com o duplo propósito de comemorar um acontecimento importante, ou homenagear uma figura ilustre, e, simultaneamente, criar um objecto artístico que aprimorará o aspecto de uma cidade ou local. Eu vou usar estas definições para mostrar para vocês os 6 monumentos ou estátuas de Toronto deste post.

Eu sei que o objetivo do projeto é que a gente poste 6 fotos nossas, mas eu simplesmente não tive tempo de percorrer a cidade e bater fotos dos monumentos e estátuas que eu queria mostrar para vocês. Então eu tive uma idéia: resolvi postar o google street view destes lugares, mostrando estas obras deste ângulo diferente. Espero que vocês gostem e me perdoem de não conseguir fazer fotos lindas destes lugares encantadores.

Monumento à Guerra de 1812 (600 Fleet Street)

Apesar de parecer engraçada e imaginarmos que sejam soldadinhos de chumbo mesmo esta é uma estátua séria do herói da cultura canadense Douglas Coupland. O soldado em pé é o canadense e o soldado derrotado no solo é americano, representando a resistência à invasão dos EUA durante a Guerra de 1812.

Estátuas do Ireland Park (Queens Quay West)

O local é um memorial em homenagem aos 38.000 imigrantes irlandeses que vieram à Toronto durante à época da fome de 1847. As 5 esculturas em bronze feitas pelo ilustre artista Rowan Gillespie remetem esperança e temor e são macabras (na minha opinião), 4 delas estão voltadas para o centro de Toronto e 1 delas está morrendo no chão. No site do Ireland Park Foundation você encontra várias informações do local por lá.

Monumento ao Multiculturalismo (Front Street)

Localizado no centro, perto da Union Station, o Monumento ao Multiculturalismo de Francesco Perilli foi encomendado pelo Conselho de Canadenses Italianos em 1985. Fica estrategicamente localizada em uma das saídas da Union Station e simboliza o multiculturalismo da cidade de Toronto. Nas palavras do próprio Perilli, o monumento é “simbolicamente destinado a representar a vitalidade cultural das pessoas que constroem um novo mundo, sob a bandeira do diálogo e do respeito mútuo”.

Inukshuk (789 Lake Shore Blvd West)

O Inukshuk de Toronto foi feito em 2002 para a Jornada Mundial da Juventude que aconteceu na cidade e representa um símbolo importante dos povos aborígines do Canadá. Inukshuk é uma estrutura de pedra encontrada frequentemente nas paisagens árticas dos Inuit, servindo como guia para viajantes em terra e mar e oferecendo orientação espacial, conforto e conselhos. Feita pelo mundialmente famoso artista Inuit Kellypalik Qimirpik de Cape Dorset, Nunavut, esta estátua é uma das maiores do seu tipo na América do Norte. Ele fica a 9,1 metros de altura com um braço de 4,6 metros. Cerca de 50 toneladas de granito rosa de montanha foram usadas para construí-lo.

Estátua de uma Família de Imigrantes (18 Yonge Street)

Esta estátua de bronze está em Toronto desde 2007 e foi feita pelo popular escultor americano Tom Otterness. A obra retrata um pai recém-chegado – segurando malas – e uma mãe que está segurando um bebê. Ambos os pais estão olhando carinhosamente para seu filho, que está olhando para além deles, em direção ao futuro. A estátua mede 3 metros de altura e é considerada “lúdica e política”, retratando a experiência da maioria dos moradores da cidade.

Monumento à Guerra da África do Sul (University Avenue)

Localizado na University Avenue com a Queen Street West, o Memorial à Guerra da África do Sul foi criado por Walter Seymour Allward e erguido em 1910. A obra comemora a participação do Canadá na Guerra dos Bôeres. Três figuras de bronze estão na base de uma coluna de granito, e outra figura de bronze comemorativa se eleva do topo.

Espero que tenham gostado do tema deste mês e não deixem de acompanhar o que as outras meninas que fazem parte do projeto tem a dizer sobre o assunto. Aproveito também para avisar que temos participante nova no projeto: a Dani do Vidal Norte, que mora em New Market. Bem-vinda Dani! Tenho certeza que a participação dela no projeto será incrível, pois eu amo o blog dela.

Embarque com a Pri (Priscila, Victoria)
Vidal Norte (Dani, New Market)
De bem com a vida no Canadá (Mariana, Calgary)
Casei e Mudei (Elisa, Edmonton)
Like a new home (Adriane, Ottawa)

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. Adri disse:

    Ah que legal! Gostei também que vc mostrou através do Maps, bem interessante não só ver as estátuas, mas como as coisas ao redor!
    Beijos

  2. Dani Vidal disse:

    Que linda a estátua da família de imigrantes!!!! Nunca passei por ela, fiquei super curiosa para ir ver. Adorei seu post Gaby!! Beijoss

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *