Mitos sobre viver no Canadá

É frio o ano todo

Certamente muitas pessoas pensam no Canadá e logo vem uma imagem de um país gelado e branco. Podemos dizer que o inverno por aqui é sim bem rigoroso, mas temos sim um verão quente (na maioria das cidades – tirando as regiões bem ao norte do país). Em Toronto eu já peguei temperaturas absurdas, que nunca peguei no Brasil (já sentimos 49C no verão de 2011 – leia aqui). Não dá para generalizar e achar que só temos frio e inverno por aqui. Tá certo que quando o frio chega ele demora para ir embora e que em média temos uns 6 meses de frio… mas quando o calor vem é tão bom que esquecemos de tudo! E quem experimentou o verão no Canadá se apaixona por este país. Para conhecer o clima de Toronto durante todo o ano clique aqui.

O governo ajuda com dinheiro os novos imigrantes

Eu já perdi a conta do número de vezes que fui perguntada se os imigrantes recebiam dinheiro do governo canadense… e a resposta é não, não recebemos dinheiro por sermos imigrantes. Há alguns benefícios quando você faz seu tax return e o governo até dá sim uma quantia para aqueles que possuem filhos, mas não é nada vinculado ao fato de você ser imigrante.

Não existe pobreza e pessoas morando ou pedindo esmola na rua

Muita gente pensa que porque estamos em um país de primeiro mundo aqui não há pobreza e dificilmente você vai encontrar pessoas morando ou pedindo esmola na rua. Isso é mentira! Só para vocês terem uma noção em 2013 foram registrados mais de 5000 homeless (sem teto) em Toronto, sendo que 500 destes viviam nas ruas. Se você caminhar pelo centrão da cidade e ao leste da Yonge Street vai encontrar muitos deles, incluindo em dias de muito frio. Vale falar que a cidade possui um programa de abrigos e $ para pessoas que estão nas ruas por diversos motivos. Também observei muitos moradores de rua quando fui à Vancouver, e olha que lá é uma cidade com uma das melhores qualidades de vida do mundo.

Você precisa aprender francês para morar no Canadá, já que é um pais bilingue

Salvo se você vai morar em alguma cidade da província de Quebéc não há a necessidade de aprender a falar francês. E mesmo em Montreal – a maior cidade da província – fala-se muito inglês. As pessoas confundem muito devido ao fato do Canadá possuir duas línguas oficiais – inglês e francês.

Canadenses são um povo fechado e que não gosta de imigrantes

Este é o pior do mitos, na minha opinião. Acho super errado generalizar um povo com certas idéias, achando que todos são assim. Assim como não acho que “os Brasileiros só gostam de festa” também não acho que os “Canadenses são fechados”. Pelo contrário: eles são bem abertos e receptivos e gostam e valorizam o imigrante. Claro que existem aqueles que são fechados e que não fazem amizade com ninguém, mas na minha opinião são poucos. Eu sempre tive a sorte de cruzar com pessoas maravilhosas por aqui.

No Canadá as pessoas trabalham menos

Eu já recebi vários comentários do tipo “só viaja” ou “você trabalha pouco por ai”, o que é totalmente mentira. Aqui no Canadá as pessoas trabalham muito e um emprego considerado full time corresponde a 40 horas semanais (8h por dia), com 10 dias úteis de férias geralmente. Uma coisa que eu noto também – que acontece no meu serviço e meu marido diz que no dele também) é que as pessoas “trabalham no trabalho” ou, em outras palavras, não tem este negócio de discutir os melhores momentos do jogo de futebol de ontem ou fazer aposta para ver quem sabe o nome do assassino da novela. Aqui as pessoas trabalham mesmo e muitas vezes almoçam na frente do computador. Ah, e também temos menos feriados do que no Brasil e aqui não há nada de “porque o feriado caiu na quinta ninguém trabalha na sexta”.

O Canadá é um país perfeito

Este é o pior mito de todos e eu já falei sobre isso aqui no blog. Realmente, morar no Canadá é muito bom, mas não é um país perfeito: há criminalidade (pouca, mas há), desemprego, buracos no asfalto, o sistema de saúde é bom mas, digamos, “diferente” do que estamos acostumados no Brasil (se você tinha um plano de saúde ou era atendido por médicos particulares) e há sim um choque cultural quando você vem morar aqui (por mais adaptado e aberto que você seja). Eu sempre digo que o Canadá não é perfeito, mas é um ótimo lugar para viver e criar uma família.

*Créditos da foto: thestar.com



  • 37 Responses

    1. Iris disse:

      OI Gaby!! Estou me formando em Medicina na Argentina e penso em morar no Canadá quando me formar. Voce acha difícil revalidar o meu diploma médico ? Como é á vida de um médico aí ? Eles tem um bom retorno econômico? Qual a melhor cidade pra trabalhar como médico ? Obrigada

      • Ola Iris. Eu sou fisioterapeuta e não sei como é validar o diploma de medicina aqui – mas sei que é difícil, infelizmente. Não tenho mais informações sobre o assunto. Desculpe não ajudar. Boa sorte!

    2. Théo disse:

      Oi Gaby , sou estudante do 6° ANO e gostaria de saber o cotidiano de um pessoa aí no Canadá. Vc poderia me responder pfv ?

    3. Théo disse:

      Oi Gabi , sou estudante do 6° ANO e gostaria de saber o cotidiano de um pessoa aí no Canadá. Vc poderia me responder pfv ?

    4. Oliveira disse:

      Oi Gaby, tudo bem? Sou estudante de Psicologia, desejo saber se para atuar nessa área no país, além de se ter o domínio do idioma, é necessário também realizar uma graduação nesse país?

      • Ola
        Acredito que como fisioterapia você precisa fazer validação do diploma (ou cursar novamente a faculdade aqui). Dá uma pesquisada na associação de psicologia do Canadá que geralmente são essas associações que sabem como vc deve proceder. Boa sorte!

    5. Bruno disse:

      Oi Gaby, estou planejando ir morar no Canadá, tenho 32 anos, sou advogado e sou solteiro. Você acha que indo sozinho terei mais chance de encontrar uma colocação e fazer uma família ou você acha melhor que eu vá acompanhado com minha namorada?

      • Rachel disse:

        Oi! Desculpa me meter no seu comentário mas acho importante ressaltar: você não vai poder advogar aqui sem fazer uma faculdade aqui. Certas profissões são compatíveis (mais comumente na área de informática, artes etc), outras dependem de “revalidar seu diploma” ( não lembro se esse seria o termo) que consiste em adaptar sua formação para os padrões canadenses e tem casos que não há o que fazer. Uma amiga minha, que é advogada, veio e infelizmente não pode exercer sua profissão. Atualmente trabalha de lojista. Não que isso não seja digno, muito pelo contrário. Porém acho válido alertar.

    6. Rogerio disse:

      Boa noite Gabriela! Meu nome e Rogerio tenho 44 anos de idade e trabalho aqui no brasil na are de cenografia, estou tirando meu passaporte e pretendo ja em fevereiro embarcar para o Canada, minha pergunta e a seguinte Existe mercado de trabalho para quem ja passou dos 40?

    7. savio lustosa costa disse:

      Olá Gaby, tudo bem?
      Eu me chamo Savio e planejo morar no Canada, sou jovem tenho 20 anos e não vou com a família nem vou poder contar com ajuda dela para emergências financeiras, tenho plano de cursar ensino superior ao mesmo tempo trabalhar.
      Na sua opinião quais as chances de eu morando em uma cidade que não seja grande nem muito pequena conseguir estudar e trabalhar sem passa por grandes dificuldades, e indiscutível que não e um caminho fácil mas eu acho que seria mais inteligente investir nesse país.
      por favor me der sua opinião, desde já agradeço.

      • Ola Savio. Obrigada pelo recado e pela visita ao blog. É tão difícil responder sua pergunta pois depende de tantos fatores – seu inglês, sua vontade, sua sorte, como estará o mercado quando você vier, a cidade que você escolher, suas referências. Acho que se este é seu objetivo comece a pesquisar desde agora, trace um plano e siga focado. Espero que dê tudo certo!

    8. sellma disse:

      Bom sou brasileira e sou enfermeira, gostaria de saber a respeito de como conseguir trabalho no Canadá?

    9. Renan disse:

      Na questão de procurar trabalhos, por exemplo, sabe dizer se é igual ao Brasil? Pretendo fazer intercambio e nesse tempo que estiver aí, quero procurar um emprego, então é só eu estar com o Resumé em mãos e visitar as empresas para entregar?

    10. Júlia Relene disse:

      Oi Gaby. Parabéns pelo blog!!! Muito boa sua discussão sobre o país, alerta muito bem sobre os mitos que pensamos. Penso muito em viver no Canadá, por isso ja salvei seu blog em favoritos kkk. Ficarei sempre de olho. Xero flor 😘

    11. Wander disse:

      Ola Gaby ! Mto bom seu blog. Gostaria de saber se um europeu pide morar no Canadá ? O que sei e que nao preciso de visto ! Poderia me informar o que precisaria para viver ai ? Obrigado

    12. Sebastiao disse:

      Ola Gabi.

      Eu Sou Angolano em Vivo em Angola, país de Africa com muita instabilidade politica. E muito pobreza ode morrem milhares de crianças diariamente.

      Tenho dois filhos (um de 10 anos e outro com 4 meses de idade). Eu e minha mulher somos licenciados. e trabalho ha 9 anos numa empresa de telecomunicações Movicel e a minha esposa e bancaria.

      Estamos dispostos a largar tudo aqui e ter uma vida pacata no Canada, para dar uma educação dignada aos nossos filhos.

      Pode por favor dar-me dicas como é o acesso de imigrantes de países como o meu.

      • Olá Sebatiao. Obrigada pelo recado. Eu não tenho conhecimento de todos os processo de imigracao. Minha sugestão é que vc entre no site do governo canadense e veja qual a opção de imigração que encaixa com o perfil da sua familia. Tem até a opção de fazer um teste. O site é o cic.gc.ca Boa sorte

    13. Fernando Carvalho disse:

      Achei muito bacana o blog, tirei muitas dúvidas. Minha dúvida é sobre trabalho, eu trabalho aqui na área comercial (vendas) e minha esposa é aux. Veterinária. Para arrumar emprego ai como é o mercado ? É qual o salário mínimo?
      Parabéns pelo blog…
      Sucesso !!!

      • Olá Fernando. Infelizmente não sei sobre esta área. O salário mínimo varia de província para província e aqui em Ontario de não me engano é $11 a hora. Obrigada pela visita ao blog

    14. Renato.. disse:

      Oi Gabi – Minha filha faz faculdade de Turismo na UFPR – Quer muito viver no Canadá. É um bom campo de trabalho??? Qual a melhor cidade para melhor dar início a carreira. Desde ja agradeço muito.

    15. Natália disse:

      Oi, Gaby! Muito legal teu blog! Eu morei no Canadá apenas 3 meses, no final da minha adolescência. Tenho muita vontade de voltar. Mas tem um mito que me assombra: no que vou trabalhar? Será que para imigrantes só há vagas de faxineira? Eu sou formada, mas to disposta até a fazer outra graduação ai (acredito que a minha seja bem mais complicada, sou psicóloga). Só preciso saber: que tipos de empregos a pessoa pode conseguir por ai? Beijo!

      • Olá Natalia. Eu trabalho na minha área é meu marido na área dele. Acho que planejando sua vinda (isto é, estudando inglês antes, guardando dinheiro e vindo legalmente com visto de trabalho) dá para conseguir trabalhar na sua área, ou pelo menos não em subemprego. Boa sorte!

    16. Priscila disse:

      Oi Gaby td bem? Eu e meu marido estamos planejando nossa imigração e estamos com algumas dúvidas. Não sei se cabe essas perguntas aqui mesmo nesse post já que elas são sobre assuntos distintos. Antes de começar o interrogatório…rsrss quero dizer q tenho pesquisado muito e as vezes acho os sites canadenses nada objetivos, então se vc tiver uma ideia distinta da minha me ajude por favor. Se quiser me passar os locais onde acho essas informações me diga e eu procuro, ok?
      Então lá vai:
      Seguro saúde: se formos como Residentes Permanentes através de algum programa de imigração para trabalhador qualificado entendi q o programa de serviço saude se aplica somente após 3 meses, é isso mesmo? E se formos como estudantes temos que pagar por ele, correto? Sabe me informar quanto custa?
      Estou há um tempo tentando caçar para onde envio informações referente a minha formação, pois como sou formada em Adm de Empresas, sei que não é uma profissão regulamentada e existe uma facilidade maior para reconhecimento. Mas simplesmente não acho essa informação em lugar algum. Vc pode me ajudar nisso? Como faço?
      Para validação de diploma preciso de que exatamente? Vc sabe?
      Seu marido foi como seu acompanhante? O que ele achou sobre conseguir se recolocar profissionalmente?

      Gaby, agradeço muito sua ajuda.

      Bjs

      Priscila

    17. Ivana disse:

      Oi Gabi, como é a saude por ai? Como foi ter seu bebe ? Foi cesaria?
      Penso em morar ai, mas em Vancouver, estamos com um processo rolando…
      Tenho muitas duvidas e medo, se puder responder.
      Obrigada
      Beijos!

      • Olá Ivana. Foi cesariana sim e eu achei o atendimento bom, mas diferente dos planos privados do Brasil. Ainda não escrevi um post sobre isso porque não tenho uma opinião formada se acho muito bom ou não o sistema de saúde daqui. Ele é de qualidade, mas diferente do que estamos acostumados quando temos sistema privado no Brasil. Não tenha medo! Beijos

    18. Suellen disse:

      Gaby, quer dizer que o ambiente de trabalho no Canadá é um pouco mais formal, certo? Mas o ambiente chega a ser muito diferente? Fiquei curiosa. rs
      .

    19. Sarina disse:

      Oi Gaby! Amooo seu blog! Simplesmente tem todas as informações que busco! Queria muito que você falasse sobre os planos de saúde para pets aí em Toronto. Bjs

    20. Ana disse:

      Ola Gaby, obrigada pelo post. sempre bem informativo. Eu não sei se você ja abordou isso antes no seu blog, mas no site do governo do Canadá, podemos encontrar informação sobre como é constituida a folha de pagamento? Ou no caso por provincia? Digo tem alguma fonte de informação que você saiba que explica tudo que é deduzido do salário bruto? Eu sou contabilista e me interesso muito no assunto.

    21. Adriane disse:

      Ótimo post! Tem muita gente que acha que tudo isso aí é verdade mesmo… ai ai…

      Beijos
      Adri

    22. Dom disse:

      Oi Gaby, tudo bem? Adoro seu blog, e estou começando o meu junto com a minha jornada rumo ao norte, gostaria de saber se posso te likar, citar, indicar, rsrsrs..Beijos Dom

    23. Anna Beatriz disse:

      Bacana seu post, Gaby. Temos que desmistificar mesmo algumas coisas. 😉

    24. Viviane disse:

      Só li verdades! Muito bom post.

    25. Adorei o post. É sempre bom quebrar os esteriótipos. E concordo com você, quem vai no verão se apaixona. Fiquei a primavera e parte do verão ai ano passado e foi o suficiente para querer mudar com a família! 🙂
      Não existe lugar perfeito, mas podemos buscar o que nos traz felicidade!
      Bjs
      Renata

    26. Karina disse:

      Sempre bom te ler, Gaby! Uma pessoa ponderada e sem ideias estereotipadas!
      Beijão

    Deixe um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *