Remembrance Day

Um dos motivos que fizeram eu querer (tanto!) morar fora do país era vivenciar novas culturas. Pois bem, hoje foi um dia que fiz isso e também aprendi um pouco sobre a história mundial. Hoje é o Remembrance Day (Dia de Lembrança) aqui no Canadá, onde todos relembram os militares que lutaram e morreram na Primeira Guerra Mundial. Todas as pessoas compram tipo broches de red poppy flowers (papoulas vermelhas) que simbolizam esta data.

Até ai só história. Mas hoje eu fui entender um pouco do porquê destas flores e o que a University of Toronto tem tanto a ver com esta data e com a Primeira Guerra Mundial. Até porque quando você vai para a Europa você espera ver muito sobre as Guerras e tal, mas aqui eu sinceramente não esperava algo tão marcante!

Pois bem, as papoulas vermelhas viraram “símbolos” do Remembrance Day através de um poema escrito por um oficial Canadense (John McCrae) durante a Primeira Guerra Mundial. O seu poema é entitulado “Flanders Fields” e fala (morbitamente) que na região de Flanders, Bélgica, perto de onde estavam os corpos dos soldados canadenses havia papoulas vermelhas (elas cresciam rapidamente ou algo assim). Sinistro! Hoje as 11am teve cerimônias em vários locais da cidade e as pessoas retiravam suas flores, pois foi as 11am que as tropas canadenses foram atacadas.

Collages

Mas o que mais de emocionou e me fez querer descrever este dia para vcs foi que o St George Campus (o Campus da Universidade de Toronto) serviu como local de treinamento na América do Norte para pilotos militares da Primeira Guerra Mundial em 1917.

Remembrance_day

Uma das edificações mais lindas do Campus é a Soldiers Tower (torre dos soldados) que foi construída para honrar os 628 alunos da Universidade de Toronto que morreram durante a Guerra. Quando vc passa pela torre vc pode ver o nome deles todos, um a um, escritos. Basicamente me senti muito especial, literalmente “pisando” quase todos os dias em parte da história mundial!

Segue vídeo da Torre e de Parte do Campus que serviu de local de treinamento para as tropas!



  • 2 Responses

    1. Paloma disse:

      Olá Gabriela!
      Achei o seu blog algumas semanas atrás e, sinceramente, vc está de parabéns!!

      Já estive em Toronto algumas vezes e consigo matar uma pouquinho da saudade a cada post seu, e também aprender coisas novas sobre essa cidade linda e cativante!

      Não sabia sobre esse papel importante da UofT… Estive tantas vezes nesse campus (tirei fotos lindas!!!!!!) e é emocionante pensar nisso agora.
      Com certeza, a próxima vez que estiver lá, verei tudo com “outros olhos”. Muito obrigada por compartilhar essa e outras informações tão interessantes conosco.
      Paloma.

      Ah! Achei outra foto interessante da época: https://www.facebook.com/universitytoronto#!/photo.php?fbid=10151221781410999&set=a.10151221766295999.480585.6169515998&type=3&theater

    2. Daniela disse:

      Oi Gaby
      Cheguei no teu blog pelo twitter do Juliano, com quem trabalhei em Sao Paulo muitos anos atras.
      Ele tem razao, eh inspirador!!
      Eu passei pelas mesmas situacoes em 2003, quando mudamos pra Toronto.
      Aprender sobre a cultura, voltar do mercado no frio com muitas sacolas quase perdendo os dedos, as idas de metro a Ikea pra buscar mais uma mesa/cadeira, chamar os amigos pra ajudar a montar tudo quando chega em casa…
      Da um trabalhao, mas vale muito a pena neh! Eh um aprendizado enorme e pra vida toda!
      Pena que nao estamos ai pra ajudar, eu adoro montar as coisas da Ikea!!
      Ano que vem quando voltarmos espero te conhecer.
      Tudo de muito bom, espero que o Canada seja soh alegrias pra voces.
      Daniela

    1. 21/02/2014

      […] conheça a Universidade a pé, explore a Victoria University (um dos lugares incomuns de Toronto), conheça lugares históricos dentro do complexo, visite o local em um dia rosa ou laranja, ou um dia branco de inverno, descubra a Hogwarts dentro […]

    2. 08/08/2017

      […] 8. Primeira neve como Torontoniana: a primeira neve que caiu na cidade depois que virei moradora 9. Remembrance Day: começando a entender a história e cultura […]

    Deixe um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *