Hockley Valley Resort: esquie, relaxe e coma super bem a menos de 1h de Toronto

Attachment-1-(7)

Final de semana fomos conhecer o Hockley Valley Resort, um hotel localizado na região de the Hills of Headwaters, a menos de 1h no noroeste de Toronto. O Resort possui 104 quartos luxuosos e super espaçosos, 14 salas para reuniões, 2 salões para eventos, 3 restaurantes, um spa, 15 trilhas de ski e snowboard e um campo de golpe renomado com 18 buracos. O lugar é pouco frequentado por turistas e um segredo super bem guardado pelos canadenses.

Hockley Valley

Fomos passar o dia somente, pois os quartos (infelizmente) não são pet-friendly e não viajamos para lugares próximos sem nosso Jojoe. As diárias do local começam a partir de C$185 e incluem buffet de café da manhã. Você pode clicar aqui e ver todas as opções de hospedagem e fazer cotações.

Attachment-1-(11)

Attachment-1-(4)

Em relação aos restaurantes há 3 no local: o Cabin (onde almoçamos), o Babbo (bar com um vasto cardápio de vinhos, queijos e charcuteria) e o Eighty Five (outro bar e lounge, popular no verão pelo seu pátio coberto). Você pode ver mais informações dos locais – incluindo menus – clicando aqui.

Attachment-1

Attachment-1-(5)

A experiência de comer no Cabin foi incrível e tudo estava maravilhoso. O menu é bem variado e possui entradas, saladas, massas e diferentes carnes. Os ingredientes são super frescos e 80% deles vem da horta de 2 hectares da propriedade. E, sempre que possível, os chefs trabalham com agricultores locais para fornecer ingredientes locais para seus clientes. O marido comeu um Tagliatelle al ‘Cinghiale’, uma massa com queijo pecorino, trufas pretas, mushrooms e carne de javali assada (que estava maravilhoso! maravilhoso! segundo ele… sim, repetido duas vezes quando eu perguntei o que ele achou). E eu pedi o Babbo Burger, um hamburguer de carne de costela com tomate curado, provolone defumado e pão de brioche feito de azeite. Ah, e como acompanhamento tinha uma das melhores batatas fritas que eu já comi na vida (batatas fritas trufadas). Perfeito! Além da ótima comida o ambiente é lindo e as atendentes, apesar de um pouco atrapalhadas, foram muito atenciosas conosco e com o Thomas.

Attachment-1-(1)

Attachment-1-(2)

Depois do almoço o marido foi fazer snowboard na montanha com nossos amigos e eu e o Thomas ficamos com parte do grupo. A “montanha de ski” (se é que posso chamar de montanha) é pequena mas com descidas mais íngremes, o que torna o passeio mais divertido. Não espere uma grande montanha mas se você não está querendo dirigir muito ou pegar a muvuca de lugares mais populares o Hockley Valley pode ser uma opção. Há dois tipos de passe para curtir a montanha: o passe de dia (C$49 + taxas e você pode curtir a montanha das 9am até 4:30pm) ou o passe noturno (C$30 + taxas para 5pm até 10pm). Eu adoro o fato que várias montanhas ficam abertas durante a noite pois se você está visitando a cidade pode passear durante todo o dia e curtir a montanha à noite. Veja mais informações aqui.

Attachment-1-(10)

E tem também o spa, que infelizmente não consegui usufruir mas já coloquei na listinha de coisas para fazer. Há diversos serviços do spa e vocês podem ver todos clicando aqui. O que achei legal é que há vários pacotes para você curtir o resort e alguns deles incluem passar o dia no local, almoçar e fazer um tratamento no spa.

Attachment-1-(3)

Vale falar que o local é bem popular para casamentos – estava tendo um quando fomos, mesmo sendo inverno. E também no verão é bem popular entre as pessoas que gostam de golf, já que o campo de lá é bem renomado e cheio de detalhes (que eu não entendo mas você pode conferir tudo clicando aqui).

Fica então aqui a dica de um lugar super legal para você conhecer pertinho de Toronto.



  • 6 Responses

    1. Roberto disse:

      Que bom que gostaram! Tb adoramos a companhia!

    2. Ana Barbosa disse:

      Legal! Adorei a dica! Tem como chegar de TTC?

      • Olá Ana. Olha, você “me pegou”: o lugar é perto de Toronto mas em uma zona rural e afastada do centro. Eu procurei no site deles e fiz uma pesquisa rápida no google maps e parece que não tem ônibus para lá. Acho que só de carro hein? Obrigada pela pergunta e pela visita ao blog!

    3. Felipe disse:

      Que legal. Adorei! Voce tem foto no topo da Montanha?

      • Olá Felipe. Obrigada pelo recado e pela visita ao blog. Eu não chamaria o local de “montanha”, como disse no post é bem pequeno. A penúltima foto é da “montanha”, apesar de realmente não dar a dimensão do tamanho dela. Mas é bem pequena, mas ótima para iniciantes. Espero ter ajudado!

    Deixe um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *