Está chegando a hora de dizer “até breve”

Thomas color-94

Lembro bem quando marcamos a data para minha mãe vir: estava no início da minha gestação e pensava que quando ela chegasse – 16 de setembro de 2015 – faltaria muito pouco para eu ter meu bebê e seria uma data igualmente feliz. Na época eu não fazia contagens regressivas da data que meu bebê iria nascer, mas da data que minha mãe estava chegando para me ajudar. Era uma espécie de marco: quando ela estivesse aqui eu saberia que tudo iria ficar bem e teria meu filho. E foi isso mesmo que aconteceu.

Minha mãe chegou, trouxe muito amor e ajuda, além de quase todo o enxoval e de mimos para o chá de bebê do Thomas. Ela veio para colocar ordem no quartinho dele, para me fazer companhia nas últimas semanas antes de me tornar mãe, para cozinhar almoços gostosos, para me ajudar com o chá de bebê, para estar lá no momento que o Thomas nasceu, para receber-nos em casa quando ele chegou, para ficar noites em claro conosco, para dar banho no meu pequeno quando eu nem conseguia ficar em pé, para me ensinar como cuidar dele, e para dar amor incondicionalmente. Ah, e não podemos esquecer de toda a ajuda com nosso outro bebê, Jojoe: vovó caminhou com ele, fez comida especial, brincou muito e deu muita atenção quando eu e o Ju não conseguíamos nem ficar de pé.

Depois de quase 4 meses com a gente está chegando a hora de nos despedirmos. Por isso, não poderia deixar de escrever um post agradecendo todo o amor e gratidão que recebemos dela, e dizer que Thomas nunca irá esquecer de como a vovó ajudou a sua chegada… Nem ele, nem Jojoe, nem eu. Te amo Mãe!

E vale falar que o vovô Antônio não ficou aqui todos os 4 meses, mas veio nos visitar 2 vezes neste período e ficou 1 mês inteiro agora em dezembro/2015, também ajudando muito e curtindo muito o seu segundo neto. Foi um período feliz que irei guardar no meu coração com carinho para sempre.



  • 19 Responses

    1. Heloisa disse:

      Chorei, no meio do meu trabalho…não sei se é pela despedida de mãe e filha por ja ter passado por isso na Alemanha, ou se é com tudo fofo que escreveu sobre a chegada de um baby.
      Gabi, vc sabe me dizer se em março ainda neva em Toronto?
      Adorei seu site, suas dicas de como chegar nos lugares são super valiosas…muito obrigada!!!

    2. Helosa disse:

      Olá, Gaby. Amei esse post! Emocionante! Está chegando a hora de dizer “até breve pra mim tbm”. Estamos planejando ir para o canadá, Eu, meu esposo e minha filha que agora só tem 3 meses. Mas eu não sabia que ia ser tão dificil separar da familia. Levar minha filha pra longe. Estou procurando incentivos. Você pode contar mais sobre essa pequena parte da sua história, tem alguma sugestão para me dar? Beijos

    3. Dani disse:

      Chorei…

    4. Débora disse:

      Olá Gaby tudo bem???

      O momento da despedida é tão triste… Sempre choro e fico com uma grande sensação de vazio…

      Beijinhos;
      Débora.
      http://derbymotta.blogspot.com.br/
      https://vamosprovar.wordpress.com/

    5. Eliana Rigol disse:

      Oi Gabi, que bonito esse momento né…são esses dias especiais do comecinha que ficam gravados pra sempre na nossa matriz. Lembro quando minha mãe veio depois que a Luna nasceu e ficou só um mês e já foi tanto pra mim. Imagino a alegria de ter tua mãe por 4! Ficamos exaustas nesses meses…Muita saúde para vocês e teu bebê fofo! Um beijão, Eliana

    6. Paty Maryinello disse:

      Mamãe Anna é o máximo!!!! 👏🏻👏🏻👏🏻
      Lindas palavras!

    7. Regina disse:

      Tenho acomodada sua estória por aqui e através da minha filha , realmente foi um presente Divino , a vinda do Thomas ,. Lindo agradecimento para sua mãe .

    8. Daniela Costa disse:

      Que emoção. Impossível não se comover..
      O amor, gratidão e carinho é algo que não se explica, mas foi possível entender pouco do que sentem.
      Que sejam muito felizes e abençoados, Gabi, toda a família!!!

    9. Lais disse:

      Me emocionei. Mãe é tudo de bom!!!

    10. Samira Tosas disse:

      É impressionante como suas palavras expressão tanta emoção. Impossível não ler sem se emocionar. Realmente ter a mãe por perto faz toda diferença. Um beijo e que Deus os abençoe! 😉

    11. Reinaldo disse:

      Meus pais ficaram apenas uma semana, meus sogros um mês e já foi super difícil nos despedirmos deles. No seu caso foram 4 meses e uma história marcada pelo nascimento do bebê. Será realmente difícil para ambos os lados. Mas como você mesma colocou, é apenas um até breve. Take care!!!

    12. Anna disse:

      Obrigada filha pelo carinho das palavras. Mas sou eu quem
      Agradece por você me proporcionar momentos incríveis onde pude fazer que mais gosto. Ajudar e estar junto de filhos e netos . E difícil expressar com palavra soque sinto. Em resumo…. E só amor!!!

    13. Helena disse:

      Anna maravilhosa! Mãezona! Tua mãe é um anjo e um amor!
      Que ela tenha uma excelente viagem de volta para Floripa!
      Chorei com o post óbvio! Não me aguento mais com nada que tu escreve!
      ;*

    14. Alessandra disse:

      Oi Gaby …
      meu filho viajou com a sua mae pro Canadá dia 15/09 e se conheceram daí ficamos sabendo da sua página… Estou indo visitá-lo agora em fevereiro pra matar a saudade.rsrs … Um Abraço… Alessandra Cecconi

    15. Rossana disse:

      Parabéns pela mensagem de amor para sua mãe…consigo mensurar o quanto de amor existe em todo esse cuidado…ano passado meus filhos vieram morar no Canadá e ja estou no meu segundo “período “de Canadá….virei outras vezes mais…com certeza.
      E se conseguir..um dia venho para ficar!
      Amo BC.
      Muita luz, que Deus abençoe e ilumine essa linda família. Fala para sua mãe que ela tem uma fã..rrss
      Bjss

    16. Fernanda disse:

      Gaby, me encontro em situação parecida. 5 meses e a barriga crescendo rápido (ainda mais pq são dois!) e não vejo a hora de minha mãe chegar! Simplesmente não comprei nadinha para os babies ainda pq quero fazer tudo com ela! Ela vem agora no fim do mês por 15 dias para me ajudar com enxoval, e depois volta em abril para esperar o nascimento e ficar uns 3 meses me ajudando, me ensinando e fazendo companhia para nós! Como mães são importantes nessa fase da nossa vida não é? Bjo

    17. Adri disse:

      Que bom que vcs puderam se curtir!! Uma boa viagem de volta pra ela!!
      Beijos
      Adri

    18. Cleiser disse:

      Gaby, sou uma leitora assídua do seu blog. Amo seus posts. E este aqui é realmente maravilhoso. Que linda mensagem de gratidão. Me fez chorar. Um lindo testemunho de vida que certamente ficará guardado nos corações para sempre. Que Deus abençoe a sua família e permita muitos e muitos momentos como este.

    Deixe um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *