Projeto 6 on 6 Canada | Abril 2015: Cotidiano

6on6logoRED

Quem ai também acha que abril chegou super rápido? Gente, 2015 está voando! Bom, hoje é dia 6 e isso significa Projeto 6 on 6 Canada. Neste mês o tema será cotidiano e iremos mostrar 36 imagens do dia-a-dia nas diferentes cidades Canadenses que moramos. Como o objetivo é mesmo retratar momentos comuns que fazem parte do nosso dia-a-dia Canadense eu resolvi pegar fotos do meu celular para este 6 on 6 – portanto vocês verão cenas reais (e não tão artísticas ou de alta qualidade) de cenas do meu cotidiano aqui de Toronto. Espero que gostem.

Foto #1: Tráfego

IMG_0238

Nos últimos meses eu abandonei a vida de usuária diária de TTC e virei motorista em Toronto. Os benefícios em ter meu próprio carro e dirigir até o serviço são inúmeros; porém, há um “contra” disso tudo, que é o péssimo trânsito da cidade. Toronto possui um tráfego horrível – o 47th pior do mundo para ser mais exata – e só quem dirige na cidade sabe bem o que estou falando. Para “fugir” dele eu tenho que sair de casa antes das 7am e voltar perto das 3pm. Mas mesmo assim eu ainda pego um pouco de tráfego. A melhor parte é que eu pego trânsito sempre em uma parte linda da Gardiner, com vista para a CN Tower, e não tem como não curtir a vista e agradecer sempre pela vida que temos por aqui.

Foto #2: Trabalho

IMG_9727

Trabalhar é (uma grande) parte do meu cotidiano e eu adoro. Adoro me sentir útil, adoro estudar, adoro contribuir com algo, adoro me sentir produtiva, e adoro interagir com as pessoas. Eu trabalho em um hospital como pesquisadora e meu trabalho é bem flexível, podendo trabalhar de casa alguns dias da semana. Uma das diferenças que vejo aqui no Canadá – quando comparado com o Brasil – é que as pessoas realmente trabalham nos locais, nada de papos longos e intervalos. Eu, por exemplo, trabalho direto 7-8h, almoço na frente do computador muitas vezes, e chego em casa cedo (4pm geralmente). Meu marido chega umas 5:30pm e podemos curtir a noite, conversar e fazer algo todos os dias, o que era impossível no Brasil (saíamos no trabalho as 8pm-9pm e até comer, tomar banho já estava na hora de dormir para acordar super cedo no outro dia).

Foto #3: Jojoe

photo

Eu levo muito a sério meu papel de “mãe de cachorro” e cuidar do Jojoe faz parte do meu cotidiano. No inverno ele faz 2 passeios por dia e nos meses mais quentes ele faz 3 passeios por dia (faz bem pra ele e bem pra nós). Eu tento me organizar e dedicar um tempo para meu peludo pois ele me faz muito bem e feliz e não é justo deixar ele sozinho em casa o dia todo e, quando chegarmos, não darmos atenção. Por isso, quando o clima ajuda, chegamos em casa, colocamos uma roupa confortável e vamos fazer um passeio longo com ele (i.e. mais de 1 hora). Moramos perto do lago Ontario (600 netros para ser mais exata conforme escrevi aqui) e do High Park, então alternamos e vamos passear nestes lugares lindos com o peludo. Ele adora e nós também; afinal, como é bom poder curtir a natureza pertinho de casa e em um dia de semana.

Foto #4: Cuidados com a casa

photo-(1)

Ja falei aqui no blog que a vida no Canadá não é nada glamourosa e um dos motivos para esta afirmação está relacionado aos cuidados da casa. No meu cotidiano de trabalhadora, esposa e mãe de cachorro eu deixo os cuidados com a casa em último plano. Não me entendam mal: eu amo a minha casa e gosto de ter a casa arrumada e limpa, mas quando coloco na balança limpar a casa e dar atenção aos meus amores, a casa fica certamente em último lugar. Lembrando que aqui o lema é do it yourself e a maioria dos Canadenses limpa sua casa (faxineira é coisa de luxo). Agora com a chegada da primavera os dias estão mais longos, podemos abrir a janela de casa, o sol chega dentro da nossa casa e eu fico mais inspirada para encher a casa de flores e cuidar mais dela.

Foto #5: O jantar nosso de cada dia

IMG_7999

Aderimos aos costumes Canadenses e aqui em casa o jantar é sim a principal refeição. É quando eu e o maridão chegamos do trabalho, conversamos e ficamos juntos. Jantamos bem cedo (geralmente 6pm) e tentamos sempre montar um cardápio elaborado e bem apetitoso. Claro que não é sempre perfeito e nem sempre conseguimos (i.e. temos disposição) para cozinhar a noite. Há dias que pedimos pizza, outros comemos pão com manteiga, outros só aperitivos (como na foto acima: coxinha, pão de queijo e bolinho de bacalhau)… mas sempre temos este momento para nós, como um “ritual” da nossa pequena família. E geralmente depois do jantar tem um jogo de basketball na TV e ai curtimos nossa noite “comendo e torcendo”.

Foto #6: Saudade

saudade_6on6

Por fim, não poderia deixar de escrever sobre algo que nos afeta no nosso dia-a-dia: a saudade da família. Apesar de termos a sorte de encontrar com nossos pais pelo menos 2 vezes ao ano é muito chato estar longe daqueles que amamos. Que bom que existe skype, facebook, e outros meios virtuais para poder conversar sempre e compartilhar momentos (por exemplo, foi através do skype que conheci meu afilhado e cantei parabéns no aniversário dele de 1 ano – veja a foto). Eu confesso pra vocês que gostaria de falar mais com meus pais (acho que nos falamos 1 vez por semana com calma, mas trocamos emails e mensagens sempre). Mas é bom saber que estamos a um clique de distância.

Espero que tenham gostado e não deixem de acompanhar o cotidiano das outras 5 Brasileiras participando do projeto e morando em 5 outras cidades Canadenses:

Vida na Gringa (Lana, Edmonton)
Na terra da lua virada (Lidia, Montreal)
Like a new home (Adriane, Ottawa)
Tchê Canadá, Uai! (Jaque, Regina)
Colorida Vida (Ana Paula, Vancouver)



  • 22 Responses

    1. Mariane Oliveira disse:

      Nossa Gaby! Te confesso que me emocionei com o post 6 on 6 de abril! 🙁 Tudo que você descreveu, é exatamente o que estamos vivendo em Toronto. Recém chegada (4 meses), estou descobrindo e vivenciando tudo que você descreveu.
      Te confesso que ainda não me acostumei que o Jantar é a refeição mais importante do dia… Como conseguem? Hahaha Mas de um modo geral a qualidade de vida principalmente para nossos filhos de 4 patas é compensador!
      Super Beijo!

    2. Paty disse:

      Adorei o post Gaby!! Saudades!

    3. Que post legal, Gaby! Adorei 🙂
      Achei muito bacana o fato de os canadenses trabalharem, de fato, no horário de trabalho. Parece óbvio, mas tem muita gente que vai ao trabalho a passeio, aqui no Brasil isso acontece tanto. E isso acarreta o fato de vcs conseguirem chegar mais cedo em casa, qualidade de vida nota mil.
      Quanto aos cuidados da casa, eu e o Marcel somos os piores donos de casa do mundo, também deixamos para a última opção. Por sorte aqui no Brasil é bem viável ter faxineira, o que nos facilita demais (ou melhor, salva nossa vida). hahaha

      Saudades demais! <3
      Beijos

    4. Pollyana disse:

      Olá Gaby, tenho acompanhado seu blog e está me ajudando bastante. Vou para Toronto dia 01 de maio, ficarei por 3 semanas. Qual a média de clima deve estar nessa época? O que sugere que eu leve de roupa de frio?
      Pelo que vi, agora em abril está um tanto frio.

    5. Angelita disse:

      Olá Gaby! Estou adorando seu blog!! Devorando tudo que posso e consigo… Iremos (marido, bb e eu)para Toronto em agosto/15 e ficaremos 3 semanas e TUDO que vc escreveu esta sendo preciosssssssissimo!! Confesso que antes de achar seu blog estava bem preocupada, mas estou ficando mais calma com nossa estadia ai (em virtude de ir com um bb que estará com 1a9m)… acho que dará para nos virar bem com suas dicas! Saiba que tudo que vc escreve é muito útil viu?! Desde o TTC até o descer da bicicleta para atravessar a rua para não ser multado, kkkkkk… Muuuuito obrigada e se precisar de alguma ajuda, posso escrever?? Bjoo

    6. Fernanda disse:

      Comecei a acompanhar blogs sobre o Canadá agora e estou adorando essa série. Uma coisa complicada (das muitas) em querer morar em outro país é escolher a cidade, tu sempre fica achando que vai que escolhe uma e a outra era melhor, então esse 6 on 6 tá dando pra ter uma noção melhor das principais cidades canadenses, parabéns 😀

    7. Ana disse:

      Ficou bem registrado o seu cotidiano, Gaby. Bem mais coerente do que a minha salada de fruta aqui no oeste! Hahahaha

      Eu também deixo a casa por último. Não dá pra ter tudo perfeito o tempo todo, não tem jeito, né?

      Beijo!

    8. Lana disse:

      Gaby. Às vezes tudo o que a gente quer é uma coxinha na frente da TV né? Hahaha. Pra variar, as suas fotos arrasam. Morro de saudades do Go Train, acredita? Mil beijos e boa semana.

    9. Marina Loureiro disse:

      Adorei o post Gaby! Fiquei com agua na boca com os salgadinhos fritos ehehe, voce mesma prepara ou voce compra ja pronto? Sinto muita falta de comer salgadinho mas acho muito trabalhoso fazer e enrolar para congelar. rs

    10. Jaque disse:

      Gabi, suas caminhadas com o Jojoe devem ser uma delícia! Sem contar o bem que faz para nosso corpo e mente também! 🙂

      • São mesmo Jaque, nos forçamos a passear e curtir a natureza para deixar nosso peludo feliz. O problema é a volta: cachorro volta preto, precisa de banho, corre molhado pela casa… mas tudo bem! Beijos

    11. Adriane disse:

      Super legal o post Gaby, como sempre! Adorei que você lembrou do skype e dos encontros virtuais com a família, que é parte do nosso cotidiano por aqui também… 🙂
      Beijos!
      Adri

    1. 04/05/2015

      […] na gringa (Lana, Edmonton) Tchê Canada Uai (Jaque, Regina) Gaby no Canadá (Gaby, Toronto) Like a New Home (Adriane, Ottawa) Na terra da lua virada (Lidia, […]

    2. 06/05/2015

      […] na gringa (Lana, Edmonton) Tchê Canada Uai (Jaque, Regina) Gaby no Canadá (Gaby, Toronto) Like a New Home (Adriane, Ottawa) Na terra da lua virada (Lidia, […]

    Deixe um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *