Eu acredito em amor…

Eu acredito em amor, em amor verdadeiro. Sempre fui assim, desde quando brincava com minhas bonecas Barbie e sempre inventava histórias de amor. Não acredito que alguém consiga ser plenamente feliz sozinho. A busca é longa e as vezes difícil: muitas enganações, promessas, corações partidos… Mas, eis que, inesperadamente, ele – o amor – chega pra ficar.

Eu acho que uma das melhores maneiras de você esquecer problemas, brigas, desentendimentos e a saudade (tão apertada nos últimos dias) é lembrar o motivo de você estar junto com alguém, o motivo que fez você compartilhar a vida com aquela pessoa, o motivo de você querer ela “do seu lado”. E este motivo é o amor. O amor é difícil, sofrido as vezes, é realidade, é dia a dia, é ansiedade. Amar alguém faz com que você entregue para esta pessoa o seu bem mais precioso – o seu coração – e com ele sua vida, sua história e seu futuro.

Acredito que o amor é um encontro: de você com você mesmo. Só quem se ama consegue amar alguém; só quem respeita o próximo consegue ser amado. Amar é se ver nos olhos do outro. Amar é sentir a dor quando o outro está machucado. Amar é estar junto mesmo quando os corpos não conseguem se tocar.

Esta semana eu acabei lendo uns emails antigos – quando ainda era Gabriela Melo e não Gabriela Ghisi – e me deparei pensando no dia 7 de dezembro de 2003, dia em que, inesperadamente, encontrei o amor da minha vida. Desde então, eu tenho entregado a ele minha felicidade, minha verdade, minha história. Nem sempre é fácil pois cada um tem suas manias e defeitos… mas também não é difícil. Na verdade, lá no fundo, eu sempre soube que aquele menino de 26 anos (que eu considerava um homem, pois eu tinha apenas 21) era especial. E conviver e crescer com ele fez minha vida completa e fácil, muito fácil!

Quando penso na trajetória que eu e meu amor temos juntos e tudo que nos espera eu me sinto – além de outros sentimentos – ansiosa. Ansiedade de viver tudo, viver intensamente. Ansiedade de amar, de doar e de ser amada. Ansiedade de aproveitar cada minuto, de não se preocupar com detalhes insignificantes e com problemas. E foi esta ansiedade que me fez vir aqui no blog e abrir meu coração. Talvez as palavras tenham soado sem nexo, mas nem sempre as coisas do coração tem razão, não é mesmo?!

You may also like...

8 Responses

  1. desamarinho disse:

    Lindo o post amiga! Ele foi para falar do seu amado Juliano. Mas, nós que te conhecemos também experimentamos o que é ser amada por você! Obrigada pela força e por acomanhar a minha história! Mesmo de longe, o seu amor chegou aqui! Bjs

  2. Luana disse:

    AMEI!!!Veio em boa hora pra mim!!
    Parabéns!!

  3. Juliano Ghisi disse:

    Com um post como este eu ainda preciso dizer como você é especial??? Eu achei que iria ficar abandonado, mas agora são 999 posts sobre o Joe e um sobre mim. Sabendo o quanto vc gosta dele esse unzinho é uma verdadeira prova de amor, eheheheh 😉

    TE AMO GABY
    Ju

  4. anna maria lima de melo disse:

    Oi querida…tudo em que acreditamos tem nexo…nem que seja só para nós mesmos, Mas de uma coisinha como sua mãe devo lembrar…Você continua sendo Gabriela Melo ou Lima de Melo e com mais Ghisi. Nome não muda nada apenas os fatos ocorridos em nossas vidas. Beijos …te amo!!!!

  5. Paty disse:

    Eu não achei sem nexo… Muito pelo contrário, com tuas palavras expressasse exatamente o que eu penso e sinto! Muito legal… O amor é um sentimento tão simples e complexo ao mesmo tempo… e tão puro e perfeito! Muito bom amar e ser amado!

  6. KIKI disse:

    Que lindo!!!!!!Aguenta Gabi!!!Seu amor logo estará chegando…bjs e mt força sempre

  7. Letícia Giacomin disse:

    Esse post tá tão lindo e verdadeiro que acho que só o Ju tem o direito de comentar nele, porque só ele é quem realmente sabe o quanto tudo isso significa. Mesmo que nós saibamos do amor de vocês, é só cada que sabe, no fundo do coração, tudo que passaram, todos os anos juntos e tudo que vai vir.
    Quando eu penso na Gaby logo me surge a definição de amor. Ela é, sem dúvida, uma pessoa extremamente amorosa com todos de quem ela gosta. “She is love”, já diria Oasis. Acho que amor te define justamente pelo fato de colocares amor em tudo que fazes. Não fazes as coisas simplesmente por fazer, mas sim com um propósito e te dedicas a elas, fazes com amor. Toda vez que leio esta frase, penso em ti: “Vou olhar os caminhos, o que tiver mais coração, eu sigo.”
    E acho que estar ao teu lado nos torna muito abençoados e muito sortudos, justamente por vc ser essa pessoa amorosa que és.
    Na verdade o post era pro Ju, mas eu tô aqui, de metida, comentando. hehehe Mas porque gosto muito de vocês dois, juntos. Porque sei que vcs funcionam juntos. Gosto muito muito muito de vocês e desejo toda a felicidade do mundo. Sei que nem sempre as coisas são fáceis, a distância é grande, mas o amor é ainda maior. Não há nada melhor para definir vocês que esta frase: “Num deserto de almas também desertas, uma alma especial reconhece de imediato a outra.”
    Beijo grande aos dois!
    Ou melhor, aos três, porque o Joezinho chulé também está nessa!

  8. Alice Linck disse:

    TODO nexo do mundo!
    TUDO que eu precisava ler AGORA!
    Que lindo, denovo eu tô aqui lendo e umas lágrimas correndo…
    Também acredito no A.M.O.R. e não ao mau uso que fazem da palavra.
    AMEI teu texto! Mais um!!!!!!!!!!!
    🙂

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *